Ganhador.com

Brasileirão Série A

Vitória do Botafogo traz sorriso; Fla continua perseguindo Palestra

Botafogo

Quatro jogos encerram a 29ª rodada do Campeonato Brasileiro neste fim de semana e o saldo de gols foram os principais aliados dos investidores. Além disso, o triunfo do Botafogo já no apagar das luzes sobre o Figueirense garantiu R$ 2,80 para cada real investido nos sites de apostas, de acordo com estatísticas do Oddsshark.com/br.

O time carioca entrou com uma marcação forte, tentando evitar que os donos da casa assustassem. O resultado disso foi um primeiro tempo sem emoção e com poucas criações de jogadas. O ritmo melhorou consideravelmente na segunda etapa, quando o Figueirense conseguiu ter duas boas chances com Rafael Moura, que desperdiçou. Na sequência, o Botafogo equilibrou e já no final da partida foi recompensado, com Bruno Silva, livre na área, fazendo 1 a 0. O duelo só ter tido um gol pagou R$ 2,63.

Outro bom retorno foi a vitória do Flamengo por 3 a 0 sobre o Santa Cruz. O triunfo deu apenas R$ 1,36, mas quem acreditou na goleada por três gols levou R$ 3,55. O rubro-negro mostrou superioridade ao longo de todo o jogo: com apenas sete minutos, Chiquinho tabelou com Everton pelo lado esquerdo e cruzou para Felipe Vizeu só empurrar a bola para o fundo das redes e fazer 1 a 0. Com a vantagem, o ritmo caiu. A equipe carioca até chegava ao ataque e também via o adversário tentar ameaçar, mas nada com muito perigo.

Na volta para a segundo tempo, o roteiro se repetiu. O Flamengo fez uma pressão nos minutos iniciais e após Diego acertar a trave, o meia Willian Arão, completamente livre de marcação, só completou para o gol sem goleiro. Com 2 a 0 no placar, novamente o clube tirou o pé do acelerador e passou a administrar o resultado.  Foram poucas oportunidades até o final, mas em uma delas, Emerson deu uma linda enfiada de bola para Marcelo Cirino entrar livre, tirar do goleiro e mandar para o fundo das redes. O Santa ainda apareceu uma vez no ataque, mas Paulo Victor salvou.

O resultado só não foi mais comemorado porque em Londrina o Palmeiras derrotava o América-MG por 2 a 0. O triunfo rendeu R$ 1,44 para cada real, subindo para R$ 2,20 pelo saldo de gols.

Se a chance do time mineiro já era reduzida no Independência, jogando em campo neutro, mas com a torcida quase toda para o adversário, sair com os três pontos era mais que improvável: além de ser o confronto entre o primeiro com o último, a diferença na força de ataque era imensa. O Palmeiras entrou em campo como melhor time do quesito com 52 gols contra 19 dos mineiros. E essa estatística fez diferença logo aos três minutos, com Tchê Tchê fazendo 1 a 0. Com um gramado em péssimas condições e o América tentando evitar um vexame, o jogo ficou duro e foi para o intervalo com poucas chances de gol.

Os últimos 45 minutos continuavam mostrando quem estava confortável na tabela e quem aparecia desesperado. O Palmeiras administrava e o América-MG tentava se lançar ao ataque em busca de um gol de empate, mas sem sucesso. Para evitar qualquer surpresa no fim, o clube paulista ainda chegou ao segundo, com Alecsandro. Foi o primeiro gol dele depois da absolvição da acusação de doping.

No sábado, o Cruzeiro também venceu, o que pagou R$ 1,65 por cada real investido. Atuando pressionado – pois com o triunfo do Internacional, havia entrado na zona de rebaixamento -, o time mineiro foi em busca do ataque para mudar logo esta realidade. Do outro lado, encarava um adversário que também tentava apagar as apresentações abaixo da média dos últimos jogos.

Mas os donos da casa levaram a melhor aos 11 minutos: Rafael Sóbis disputou a bola e cruzou para Ábila, que aproveitou vacilo da defesa e fez 1 a 0. Depois disso, a Ponte Preta teve que sair para o jogo, mas pouco conseguiu produzir no primeiro tempo. A principal oportunidade foi com William Pottker, em chute rasteiro para fora.

O segundo tempo foi reflexo do primeiro e o técnico Eduardo Baptista foi obrigado a mexer na equipe. Apesar da tentativa, os visitantes seguiam sem criatividade e não conseguiam furar o bloqueio do Cruzeiro. Jogando no contra-ataque, a equipe de Mano Menezes tentava matar o jogo e conseguiu aos 35 minutos, com Robinho em um belo chute de fora da área. O segundo gol rendeu R$ 2,85 por cada real, pelos números do Oddsshark.com/br.

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar