Ganhador.com

UFC

UFC 205: Nova York e o peso do “fator casa”

Foto: Steve Marcus/Getty Images

O UFC 205, que acontece neste sábado, em Nova York (EUA), terá diversos combates empolgantes para o fã de lutas. E se você quiser se dar bem nas casas de apostas, terá de acreditar na vitória dos “visitantes” do show. Isso porque atletas nativos, moradores ou nascidos nas proximidades do estado são tratados como favoritos em seus duelos no evento. O lucro de quem apostar contra o “fator casa” (apoio da torcida, família e amigos) chega a 370%.

Será o retorno do UFC a Nova York após longos 19 anos — o MMA esteve proibido durante esse tempo e só voltou a ser legalizado neste ano. É difícil saber o que esperar da torcida local quando os lutadores entrarem na arena montada no histórico Madison Square Garden. Estarão inflamados? Farão barulho? Vão ajudar ou atrapalhar os atletas? Mas algumas histórias contribuem para que você esteja bem informado na hora de investir seu dinheiro no resultado da luta.

Chris Weidman, Stephen Thompson, Frankie Edgar e Rafael Natal são favoritos em seus respectivos confrontos. E para todos os eles o evento em Nova York será um pouco especial.

No card principal do show, Weidman encara Yoel Romero pelos médios. O ex-campeão do UFC é favorito e paga R$ 1,57 a cada R$ 1 apostado em sua vitória. Romero, seu rival, dá um retorno de R$ 2,50 pelo mesmo valor investido em seu triunfo. Chris não é favorito à toa. Nascido e criado em Nova York, ele foi o lutador que mais se empenhou pela legalização do MMA no estado. Ele mora e treina em solo nova-iorquino. Terá amigos e família no ginásio neste sábado. A noite será especial. Para ele, mais ainda. Dentro do octógono, busca a recuperação. Será sua primeira luta desde a perda do cinturão, em dezembro passado.   

Stephen Thompson não nasceu em Nova York, mas mora e treina no estado. Inclusive, ele é companheiro de treinos de Chris Weidman na academia Law MMA. O americano disputa o cinturão dos meio-médios contra o campeão Tyron Woodley. Apesar de desafiante, ele é o favorito, e sua vitória vale R$ 1,53, contra R$ 2,65, pagos no caso de vitória do atual campeão.

Frankie Edgar mora em New Jersey, mas faz treinos no estado vizinho, Nova York. Uma possível derrota do o ex-campeão dos leves (que representaria uma vitória do peso-pena Jeremy Stephens) paga R$ 3,70 a cada R$ 1 aplicado. Um lucro de 270%! Ele terá o apoio da família na arena neste sábado, mas trata-se de um ex-campeão do UFC, que sabe lidar com pressões emocionais.

Brasileiro nascido em Minas Gerais, Rafael Natal mora há oito anos em Nova York. O peso médio é o favorito para a luta contra Tim Boescht. Quem acreditar na derrota do brasileiro receberá R$ 2,30 para cada R$ 1 investido. Sua vitória paga apenas R$ 1,67.

Jim Miller e Vicente Luque, ambos nascidos em New Jersey, estado vizinho a Nova York, contrariam essa lógica e são azarões em seus duelos. A vitória do primeiro paga R$ 2,40, e do segundo vale R$ 2,25.

Vale lembrar também que astros como Conor McGregor e Joanna Jedrzejczyk vão se apresentar diante de torcedores irlandeses e poloneses, que compõem o numeroso grupo de imigrantes que vivem no estado.

Será que o “fator casa” vai ajudar os lutadores? Lutar diante de família e amigos nem sempre ajuda. Muitos atletas ficam mexidos emocionalmente, pressionados, e acabam sem se apresentar de maneira satisfatória. No UFC 205, em Nova York, apostar nisso pode dar certo.

Cotações do UFC 205

  • Eddie Alvarez (2,40) Vs (1,63) Conor McGregor
  • Tyron Woodley (2,65) Vs (1,53) Stephen Thompson
  • Joanna Jedrzejczyk (1,25) Vs (4,30) Karolina Kowalkiewicz
  • Chris Weidman (1,57) Vs (2,50) Yoel Romero
  • Kelvin Gastelum (2,40) Vs (1,63) Donald Cerrone
  • Miesha Tate (1,57) Vs (2,51) Raquel Pennington
  • Card preliminar
  • Frankie Edgar (1,30) Vs (3,70) Jeremy Stephens
  • Khabib Nurmagomedov (1,36) Vs (3,40) Michael Johnson
  • Rafael Natal (1,67) Vs (2,30) Tim Boescht
  • Vicente Luque (2,25) Vs (1,69) Belal Muhammad
  • Jim Miller (2,40) Vs (1,63) Thiago Alves
  • Liz Carmouche (2,48) Vs (1,60) Katlyn Chookagian

*De acordo com o OddsShark.com/br.

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar