NBA

Heat, Jazz, Rockets, Thunder: os palpites da terça-feira “compacta” da NBA

Foto: Maddie Meyer/Getty Images

Quatro jogos movimentam o melhor basquete do mundo nesta noite

Até os milionários craques da NBA dão um respiro e diminuem o ritmo de vez em quando. Depois da avalanche de simplesmente 16 jogos realizados entre domingo e segunda, a liga volta à quadra na noite desta terça (27) com quatro jogos, volume menor que o habitual.

A noitada é compacta, mas nem por isso menos interessante. Vamos repassar juntos cada um dos duelos?

Os dois primeiros jogos ocorrem às 22h30 (de Brasília), o agradável horário de início para acompanhar as partidas e se refrescar com o calor que já esquenta o Brasil de norte a sul. 

Miami Heat x Oklahoma City Thunder é o confronto que abre a jornada na American Airlines Arena, de Miami. Mesmo fora de casa, o Thunder de Russell Westbrook deve vencer com facilidade. Tem melhor campanha (61% a 32%) e vive fase bem superior. Está invicto há três jogos, enquanto o Miami perdeu três dos últimos quatro.

Não há nem o que se analisar cada um dos times, pois Westbrook sozinho tem sido capaz de lidar com equipes bem mais fortes que o Miami. Pobre Heat. A saída de Dwyane Wade desmontou a fraquia que hoje se arrasta pelas tabelas.

Um bom termômetro para hoje à noite? O placar do último confronto entre os dois times: 97×85 para o Thunder sobre o Heat no começo de novembro. Não há razões para imaginar nada diferente nem no time ganhador nem na margem de vitória.

O outro jogo das 22h30 é Boston Celtics x Memphis Grizzlies, com favoritismo amplo e justificado do “Verdão” de Boston, embora esteja cheirando a um jogaço no qual os Grizzlies vão deixar tudo até a última bola.

O único duelo entre ambos nesta temporada já seguiu este script. Foi 112×109 para o Boston, mas apenas na prorrogação e depois de muitas alternativas no tempo normal. Os Celtics vêm mais embalados, até pela espetacular fase do nanico armador Isaiah Thomas, de só 1,75 metro. É o melhor baixinho hoje da NBA. Mas seu basquete de gente grande fez o Boston ganhar dos Knicks no Natal, enquanto os Grizzlies perderam na noite de ontem para o Orlando Magic. Vai ser apertado, mas cravo Boston.

Cravo também Houston Rockets de olhos fechados contra o Dallas Mavericks às 23h30.

Pelas barbas do profeta, como está jogando James Harden! Ele nocauteou o Phoenix na madrugada desta segunda e logo mais volta à quadra com sua habitual agressividade. É um monstro vestido de jogador. Está brilhando tanto que o Houston ganhou oito das últimas dez partidas, um desempenho digno de campeão.

De Dallas há pouco a se falar. Ficamos em um só número: 29,0% de aproveitamento na atual temporada. Enquanto os outros times andam de carro novo, os Mavs sofrem como um Maverick 4 cilindros ano 1976 barulhento e desagradável.

Falou em barulhento e desagradável falou no…Los Angeles Lakers. Que situação! Os Lakers até começaram bem a temporada, mas o motor engasgou de tal maneira que depois só o morro abaixo para fazer pegar. Não há o que disfarçar: a campanha é ridícula, meros 12-22, com 15 derrotas nos últimos 18 jogos.

O único que respira fora do lago poluído é D’Angelo Russell, armador de 20 anos e que dá sinais de ser, daqui a poucas temporadas, um cracaço de bola estilo Stephen Curry ou Russell Westbrook. Talento não lhe falta. Mas a muitos de seus companheiros sim, é a amarga realidade vivida em Los Angeles.

O Utah Jazz, adversário de hoje, poderia receber muitas das mesmas críticas, mas a história da equipe é mínima perto dos Lakers. Se a história é mínima, o presente é de certa forma grande. O Utah ganhou seis dos últimos dez jogos, incluindo um 107×101 sem sustos no LAL no dia 6 deste dezembro.

Interessante olhar também a briga do armador brasileiro Raulzinho por um espaço no time do Jazz. Ele atuou por 14 minutos em uma recente derrota para o Golden State Warriors e tem sido uma interessante variação para o técnico Quin Synder colocar em quadra. Nada, porém, que esconda a realidade: George Hill hoje domina a posição 1 da equipe e é, sem dúvidas, um dos grandes talentos da armação da NBA na atual temporada.

A noitada “light” do melhor basquete do mundo nesta terça fica assim:

  • 22h30 – Miami Heat (2,20) x Oklahoma City Thunder (1,71)
  • 22h30 – Boston Celtics (1,34) x Memphis Grizzlies (3,35)
  • 23h30 – Dallas Mavericks (3,15) x Houston Rockets (1,38)
  • 01h30 – Los Angeles Lakers (2,67) x Utah Jazz (1,52)

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.