Brasileirão Série A

Vitória x Cruzeiro; Sport x Chapecoense: má fase baiana e confronto direto na parte de baixo da tabela agitam 17ª rodada da Série A

Prognóstico dos jogos Vitória x Cruzeiro e Sport x Chapecoense pela 17ª rodada do Brasileirão da Série A.
Foto: Sirli Freitas

Oscilando na tabela de classificação, rubro-negros da Bahia e de Pernambuco jogam em casa para aliviarem a pressão 

Dois dos clubes mais populares do Nordeste, Vitória e Sport são os protagonistas da 17ª rodada do Brasileirão. Se por um lado o time baiano não aguentou as recentes goleadas na Série A para o rival Bahia (4×1) e Atlético Paranaense (4×0) e demitiu o técnico Vagner Mancini, o pernambucano está há seis jogos sem vencer e pode partir para o mesmo caminho dependendo do que acontecer no domingo (5 de agosto), na Ilha do Retiro. Ainda sem técnico, o Leão de Salvador pega o Cruzeiro no Barradão, enquanto o Leão da Ilha, que tem Claudinei Oliveira balançando no cargo, mede forças com a Chapecoense, no Recife. Quem espantará a crise?

 

Vitória x Cruzeiro

Um ano no comando, 63 jogos (27 vitórias, 15 empates e 21 derrotas), aproveitamento de 50,79% e confusão em Ba-Vi. Este é o resumo do técnico Vagner Mancini em sua recente passagem pelo Vitória, que terminou no último domingo, no massacre do Atlético Paranaense por 4×0 na Arena da Baixada. A goleada sofrida para o Furacão foi a segunda da equipe em sete dias, que já havia perdido o clássico para o Bahia por 4×1 na Arena Fonte Nova.

Apesar da 14ª colocação com 18 pontos, sendo dois à frente do Santos, time que abre o Z-4, e a contratação de oito reforços – entre eles Arouca, ex-Atlético-MG, e Walter Bou, ex-Boca Juniors – durante a janela de transferências, a diretoria tratou de demitir o treinador pela oscilação dos jogadores em campo. Ainda aguardando pela chegada do novo treinador, o Vitória recebe o Cruzeiro com João Burse, técnico do sub-23, à beira do gramado.

Já na Raposa, a vitória fora de casa sobre o Santos na abertura das quartas de final da Copa do Brasil trouxe mais tranquilidade ao clube, que vem de dois resultados negativos no Brasileirão (para São Paulo e Corinthians). Atualmente em oitavo lugar no Nacional com 24 pontos, o time dirigido por Mano Menezes ainda está devendo na competição.

Tendo um dos elencos mais fortes do país, com Arrascaeta, Thiago Neves, Rafael Sóbis, Fred e Hernán Barcos, o Cruzeiro também tem oscilado no período pós Copa do Mundo. Tal situação deixa a equipe dez pontos atrás do líder Flamengo.

Vivendo um mês de decisões, a equipe celeste espera começar agosto com o pé direito. Isso porque terá neste período as oitavas de final da Copa Libertadores contra o Flamengo, na próxima quarta-feira e no dia 29; jogo de volta da Copa do Brasil diante do Santos, no dia 15, e ainda as rodadas do Brasileirão.

 

Palpite

Explorar a crise baiana. Esta deve ser a estratégia do Cruzeiro, que com um time mais técnico, poderá sair do Barradão com os três pontos. Mesmo podendo poupar alguns jogadores como Thiago Neves e Robinho, em razão do confronto com o Flamengo pela Libertadores, a Raposa tem totais chances de vencer em Salvador.

 

Sport x Chapecoense

Já no Recife, temos a briga de dois times desesperados pela vitória. Sport e Chapecoense se encontram tendo os maiores jejuns de vitórias na Série A 2018. Pelo lado pernambucano, são seis jogos sem vencer, incluindo quatro derrotas consecutivas (para Ceará, Fluminense, Vitória e Flamengo). Ocupando a 13ª posição com 19 pontos, o time joga na Ilha do Retiro para tentar salvar a pele do técnico Claudinei Oliveira. Ameaçado no cargo e podendo perder Everton Felipe, que interessa ao São Paulo, o comandante tem tentado blindar o elenco com treinos fechados para encontrar uma solução para a fase difícil.

Na Chapecoense, que concilia o Brasileirão com a Copa do Brasil, torneio no qual saiu atrás no placar durante as quartas de final, ao perder por 1×0 para o Corinthians em Itaquera, a situação é ainda mais incômoda. O Verdão do Oeste está uma posição e um ponto acima do Z-4, com 17 pontos. Qualquer tropeço em Pernambucano, aliado a um empate do Santos, 17º colocado com 16 pontos, diante do Botafogo, coloca os catarinenses na zona da degola. Vale lembrar que Gilson Kleina e seus comandados não vencem há cinco jogos no Brasileirão (são quatro igualdades no período).

 

Jogos da 17ª rodada do Brasileirão da Série A

Sábado, 4 de agosto

  • 16:00 – Botafogo x Santos – Palpite: Santos
  • 19:00 – Grêmio x Flamengo – Palpite: Grêmio
  • 21:00 – Corinthians x Atlético Paranaense – Palpite: Corinthians

Domingo, 5 de agosto

  • 16:00 – Paraná x Ceará – Palpite: Paraná
  • 16:00 – América-MG x Palmeiras – Palpite: Palmeiras
  • 16:00 – Vitória x Cruzeiro – Palpite: Cruzeiro
  • 16:00 – São Paulo x Vasco – Palpite: São Paulo
  • 19:00 – Fluminense x Bahia – Palpite: Fluminense
  • 19:00 – Sport x Chapecoense – Palpite: Sport

Segunda-feira, 6 de agosto

  • 20:00 – Atlético Mineiro x Internacional – Palpite: Atlético-MG

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.