Futsal

Vem aí a Liga Futsal 2018: saiba quem são os principais candidatos ao título

Foto: Juliano Schmidt / Divulgação LNF

Favoritismo é dos times do sul, mas Sorocaba conta com o melhor do mundo, e Corinthians foi buscar reforços

A Liga Nacional de Futsal definiu o dia 16 de março como a data do pontapé inicial para a temporada 2018. Este ano, a LNF terá a participação de dois times a mais do que em suas edições anteriores, chegando aos dezenove. De resto, a fórmula de disputa permanece a mesma. Todos os times jogarão entre si em turno único, e os dezesseis melhores seguirão para a fase de mata-mata.

Os clubes participantes serão: Cascavel-PR, Marechal Rondon-PR, Carlos Barbosa-RS, Paraíso-MG, Jaraguá-SC, Sorocaba-SP, Atlântico Erechim-RS, Marreco-PR, Assoeva-RS, Joaçaba-SC, Joinville-SC, Minas-MG, Foz Cataratas-PR, Pato Futsal-PR, São José-SP, Corinthians-SP, Tubarão-SC, Shouse Futsal-PA e Blumenau-SC.

A seguir, buscaremos traçar um panorama da edição 2018 da mais importante competição do futsal brasileiro.

 

Olho nos time do sul

O histórico das ligas anteriores mostra que devemos sempre olhar para o sul na hora de apontar os favoritos. Afinal, os clubes da região conquistaram o título em 14 das 22 edições, e em 2017 dominaram inteiramente as semifinais. Joinville (Santa Catarina), Assoeva (Rio Grande do Sul), Foz Cataratas (Paraná) e Marreco (Paraná) foram os quatro melhores times do ano passado. Ao todo, o Rio Grande do Sul acumula nove conquistas, com Carlos Barbosa, Ulbra e Internacional, e Santa Catarina outras cinco, obtidas por intermédio de Jaraguá e Joinville.

Atual campeão, o Joinville foi ao mercado, e chegará ainda mais forte para esta edição. O clube contratou Grillo, do Atlântico, Bruno, do Magnus Futsal, e a dupla Genaro e Leandro Caires, que atuava pelo Corinthians. Nas palavras do seu diretor do departamento de futsal, Valdicir Kortmann, o time vai para as cabeças novamente: “Tivemos um ano fantástico, mas agora é pensar em 2018 e buscar os novos desafios. Esse grupo que foi montado, não tenho dúvidas que irá trabalhar forte e fazer bonito assim como foi feito ano passado”, disse o dirigente.

Principal desafiante dos catarinenses na temporada passada, o Assoeva sofreu com o assédio dos adversários aos seus principais jogadores, e perdeu peças importantes, como o ala Valdin, o fixo-ala Matheus Sacon, o fixo Daniel e o ala Renatinho. O técnico Fernando Malafaia foi mantido, e deu início a um processo de reformulação do elenco. Entre as caras novas, destaque para o experiente Dimas, que tem passagens pela seleção brasileira, e o fixo Carlão, que estava na Intelli. O clube também aposta em garotos do sub-20, como Maurício e Douglas Meurer.

Os paranaeses Foz Cataratas e Marreco fizeram excelentes campanhas em 2017, terminando respectivamente em 3º e 4º lugares. Para este ano, os clubes fizeram apostas bem distintas. O Foz manteve seus principais jogadores, assim como o técnico Luciano Bonfim, e foi buscar outros cinco atletas no mercado para compôr elenco. O clube acredita muito em Andrei Willian, artilheiro do último Campeonato Paranense Sub-20, que acaba de ser promovido ao time principal. O Marreco, por sua vez, foi buscar o ala Bateria, ex-Barcelona, que desde 2011 atuava no exterior. Aos 26 anos, o jogador sofre com seguidas contusões, mas se conseguir entrar em forma será um reforço e tanto para o time de Francisco Beltrão.

Maior vencedor da LNF, com um total de cinco conquistas, o Carlos Barbosa caiu nas quartas de final no ano passado, e há duas temporadas não chega sequer entre os quatro melhores. Agora contando com experiente ala esquerdo Felipe, o clube acaba de conquistar o título da Copa Três Coroas, com uma vitória por 3×2 sobre o Jaraguá, que é dono de quatro títulos da liga. Os catarinenses terminaram em nono lugar em 2017, mas esperam obter melhores resultados com o retorno do vitorioso técnico Fernando Ferretti, que passou oito anos longe do clube. Doze jogadores foram contratados, entre eles Rômulo e João Guilherme, ex-Corinthians.

 

Sorocaba e Corinthians chegam fortes

O Sorocaba tem como trunfo ninguém menos que o maior jogador de futsal de todos os tempos, Falcão. O craque lidera um grupo repleto de jogadores jovens, e espera fazer uma campanha ainda melhor que a do ano passado, quando o clube foi o quinto colocado. “Esperamos que seja um ano de vitórias e de ginásio cheio. Temos a chegada de reforços que vínhamos observando há algum tempo. Enxugamos o elenco porque temos um time sub-20 muito bom e a ideia é trabalhar a base”, disse o ala. Os reforços a quem ele se referiu são o goleiro Lucas, o ala Kevin e o fixo Matheus Sacon. No banco, Ricardinho substitui Fernando Ferretti, que se transferiu para o Jaraguá.

Campeão da Liga em 2016, o Corinthians foi apenas o sétimo colocado no ano passado, e fez contratações bastante pontuais para esta temporada. O clube foi buscar o experiente Wilde, de 36 anos, maior artilheiro da história do Barcelona, o ala/fixo Henrique, que se destacou na AABB, o fixo Daniel e o ala Renatinho, vice-campeões em 2017 pelo Assoeva, além de Murilo Saad, que estava no Erechim. Comandado pelo treinador André Bié, o Timão tem metas ambiciosas tanto para a Liga Nacional quanto para o Campeonato Paulista.

 

Shouse Futsal será o primeiro representante da Região Norte

A grande novidade da Liga Nacional de Futsal 2018 ficará por conta do Shouse Futsal, do Pará, primeiro clube da região norte a disputar a competição. O time tem tradição em sua região de origem, e é o maior vencedor da Liga Norte, com 2 títulos. No dia 25 de fevereiro, às 10:30, o time fará história ao entrar na quadra do Mangueirinho, em Belém, para encarar o Corinthians. O presidente, patrono e fixo da equipe, Roberto, é um dos grandes entusiastas da participação do Shouse no LNF: “Estamos entre as 20 melhores equipes do país. Agora, temos que nos preparar bem para mostrar nas quadras que somos merecedores desse feito. Nosso primeiro desafio vai ser contra um grande time, como é o caso do Corinthians”, declarou. Aos 65 anos de idade, ele espera entrar para o livro dos recordes como o mais velho jogador de futsal em atividade no mundo.

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar