Ganhador.com

NBA

Quem são os jogadores mais ricos da NBA hoje em dia?

Foto: ROBYN BECK/AFP/Getty Images

Melhor basquete do mundo ampliou suas cifras – e a distribuição de dinheiro entre os atletas passou a ser ainda mais farta…                  

A temporada regular da NBA está perto de acabar. Os jogos do final de semana colocaram as equipes mais adiantadas na tabela já com 62 partidas. Faltam, portanto, 20 para que os playoffs sejam definidos. Neste mundo extenuante de cestas e de placares, é de bom tom relembrar que os atletas do melhor basquete do planeta são regiamente pagos para isso.

 

Ainda mais dinheiro

Em se tratando de ampliar as suas cifras, a NBA sempre consegue mais. E grande exemplo disso vem do contrato de direitos televisivos com a ESPN e a TNT. O montante de dinheiro que engloba esta transação foi de nada menos que 24 bilhões de dólares (cerca de R$ 80 bilhões) por nove anos. Principal parte deste espetáculo, os jogadores agradeceram. Com tal contrato, o teto salarial da NBA passou a ser de 99 milhões de dólares (algo em torno de R$ 330 milhões).

Um verdadeiro espanto, mas uma quantia justa mediante o desgaste de cada um deles e toda a promoção que caracteriza a NBA como um dos maiores espetáculos esportivos do mundo.

Como muitos sabem, o salário não é a única receita das estrelas das quadras. Há também volumosos patrocínios com marcas esportivas. Um enorme exemplo disso é LeBron James. O Rei do Basquete é também o Rei do Dinheiro: ele fatura nada menos que 30 milhões de dólares (R$ 96 milhões) por temporada da Nike, empresa que o patrocina desde sua chegada à NBA, em 2003.

E se não bastasse a bolada da Nike, LeBron é, também, o atleta mais bem pago da NBA, segundo a revista “Forbes”. Sua fortuna se divide da seguinte maneira: 33,3 milhões de dólares (R$ 109 milhões) são recebidos como salários do Cleveland Cavaliers, e 52 milhões (R$ 170 milhões) vêm das campanhas publicitárias fora das quadras.

Somando tudo, LeBron ganha simplesmente 85,2 milhões de dólares (R$ 280 milhões) por ano, o que dá surreais R$ 23,3 milhões a cada mês.

Depois de LeBron vem Stephen Curry, do Golden State Warriors: 76,7 milhões de dólares (R$ 252 milhões) no total. São 42 milhões de dólares (R$ 138 milhões) em patrocínio e 34,7 (R$ 114 milhões) em salário.

O “top 3” dos milionários atletas da NBA é fechado com outro jogador do Golden State: Kevin Durant, com 58 milhões de dólares (R$ 190 milhões) no geral, sendo 33 milhões de patrocínios (R$ 108 milhões) e 25 milhões de salário (R$ 82 milhões).

 

Os demais

Conhecidos os três mais ricos, fica a pergunta: e onde está James Harden, o virtual MVP desta temporada regular? O Barba está na quarta colocação, recebendo a “bagatela” de R$ 158 milhões por ano no total, somando salários e publicidades. O quinto colocado é o Senhor Triplo-Duplo Russell Westbrook, que vai terminar a temporada 2017/2018 da NBA com nada menos que R$ 156 milhões.

Os que vêm logo atrás são jogadores mais conhecidos nos EUA que no Brasil: Damian Lillard, do Portland Trail Blazers, com R$ 132 milhões, e Blake Griffin, agora nos Pistons, com R$ 116 milhões anuais.

O caçula no “top 10” dos mais ricos é Giannis Antetokounmpo, do Milwaukee Bucks, de 23 anos e R$ 116 milhões anuais. Carmelo Anthony, do Oklahoma City Thunder, e Anthony Davis, do New Orleans Pelicans, fecham a lista dos dez maiores milionários, com R$ 109 milhões e R$ 107 milhões, respectivamente.

 

Jogos da temporada regular da NBA 2017/2018

Sexta-feira, 23 de fevereiro

  • Washington Wizards 105×122 Charlotte Hornets
  • Detroit Pistons 98×110 Boston Celtics
  • Indiana Pacers 105×122 Atlanta Hawks
  • Toronto Raptors 119×122 Milwaukee Bucks
  • Houston Rockets 120×102 Minnesota Timberwolves
  • Memphis Grizzlies 89×112 Cleveland Cavaliers
  • New Orleans Pelicans 124×123 Miami Heat
  • Denver Nuggets 122×119 San Antonio Spurs
  • Utah Jazz 81×100 Portland Trail Blazers
  • Phoenix Suns 117×128 Los Angeles Clippers

Sábado, 24 de fevereiro

  • Los Angeles Lakers 124×102 Dallas Mavericks
  • Philadelphia 76ers 116×105 Orlando Magic
  • New York Knicks 112×121 Boston Celtics
  • Miami Heat 115×89 Memphis Grizzlies
  • Golden State Warriors 112×80 Oklahoma City Thunder
  • Utah Jazz 97×90 Dallas Mavericks
  • Phoenix Suns 104×106 Portland Trail Blazers
  • Minnesota Timberwolves 122×104 Chicago Bulls

Domingo, 25 de fevereiro

  • Sacramento Kings 108×113 Los Angeles Lakers
  • Charlotte Hornets 114×98 Detroit Pistons
  • Milwaukee Bucks 121×123 New Orleans Pelicans
  • Cleveland Cavaliers 94×110 San Antonio Spurs
  • Denver Nuggets 114×119 Houston Rockets
  • Washington Wizards 109×94 Philadelphia 76ers

Segunda-feira, 26 de fevereiro

  • 21:30 – New York Knicks x Golden State Warriors – Palpite: Warriors
  • 21:30 – Atlanta Hawks x Los Angeles Lakers– Palpite: Hawks
  • 21:30 – Brooklyn Nets x Chicago Bulls – Palpite: Bulls
  • 21:30 – Toronto Raptors x Detroit Pistons – Palpite: Raptors
  • 21:30 – Boston Celtics x Memphis Grizzlies – Palpite: Celtics
  • 22:00 – Oklahoma City Thunder x Orlando Magic – Palpite: Thunder
  • 22:00 – New Orleans Pelicans x Phoenix Suns – Palpite: Pelicans
  • 22:30 – Dallas Mavericks x Indiana Pacers – Palpite: Pacers
  • 23:00 – Utah Jazz x Houston Rockets – Palpite: Rockets

Terça-feira, 27 de fevereiro

  • 00:00 – Sacramento Kings x Minnesota Timberwolves – Palpite: Wolves

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar