Ganhador.com

Carioca

O que esperar de Flamengo x Botafogo depois do ‘chororô’?

Vinicius Junior chororô
Foto: Gilvan de Souza / Flamengo

Equipes voltam a se enfrentar neste sábado (3) pelo Campeonato Carioca atravessando momentos bem diferentes em suas temporadas

O “chororô” de Vinicius Júnior na Taça Guanabara está muito longe de ser esquecido pelos botafoguenses. E há uma excelente oportunidade de revanche neste sábado (3), quando as duas equipes voltam a se enfrentar, desta vez em partida válida pela terceira rodada da Taça Rio, como é oficialmente chamado o segundo turno do Campeonato Carioca. O duelo será às 17h (de Brasília) no Estádio Nilton Santos, usado pelo Flamengo no 2×2 com o River Plate pela Libertadores. A escolha gerou uma ironia de Lucas Pratto, que brincou na última quarta (28) que o “Flamengo não jogava em casa porque o campo era do Botafogo”.

 

Botafogo focado, Flamengo nem tanto

O Flamengo não tem mesmo razões para encarar este clássico contra o Botafogo de uma maneira especial. O clube conquistou com tranquilidade o título da Taça Guanabara e sabe que está na melhor das situações para a disputa também da Taça Rio. Paulo César Carpegiani e os seus comandados querem mesmo é alinhar a equipe tanto para a Libertadores da América quanto para o Campeonato Brasileiro. Não há, por parte do Fla, nenhum interesse especial em dar um gás a mais nesta partida. Ela é encarada como importante, sem dúvida, mas sem exigir demais dos jogadores. Tanto que a escalação ainda vai ser avaliada com calma pelo técnico, que vai priorizar o descanso daqueles que atuaram contra o River. Como a temporada é longa e desgastante, faz sentido imaginar um Flamengo misto e dosando sempre o combustível nesta Taça Rio.

A situação do Botafogo é bastante diferente. A começar pelo novo técnico, Alberto Valentim, que chegou ao clube há pouco tempo e sabe que uma vitória sobre o grande rival pode facilitar o seu trabalho daqui por diante.

Não dá para dizer que o Botafogo não encontrou paz depois do 3×1 que sofreu do Flamengo no “clássico do chororô”. O time fez só duas partidas depois dali, ganhando do Nova Iguaçu por 2×1 e da Cabofriense por 1×0. O Botafogo só tem mesmo o Campeonato Carioca para disputar até o começo do Campeonato Brasileiro, em 14 de abril. O time não disputa a Libertadores e já foi eliminado da Copa do Brasil – resultado que culminou na demissão do técnico Felipe Conceição.

Ou seja: é de se esperar um Botafogo motivado e disposto a fazer o “chororô” mudar de lado. O Flamengo vai entrar nesta partida com uma tranquilidade difícil de ser repetida. Tal mudança de interesse coloca o Fogão como favorito, ao menos antes do apito inicial.

 

Vasco e Flu têm jogos tranquilos

Os outros clubes grandes do Rio vão jogar como mandante contra times pequenos. O Fluminense enfrenta o Volta Redonda às 17h (de Brasília) em Los Larios. Já o Vasco encara uma viagem até Cariacica para encarar o Boavista.

O Fluminense vai precisar responder rápido à derrota sofrida pelo Avaí na Copa do Brasil. O Tricolor perdeu por 2×1 em pleno Estádio Nilton Santos, deixando a torcida perturbada e trocando agressões entre si. O Avaí, afinal, foi rebaixado para a Série B no fim do ano passado, e por mais que o Fluminense não fale a respeito, o clube carioca lida sim com a desconfiança de que possa ser este o seu destino ao final deste 2018. “Não fizemos um bom jogo. A responsabilidade é toda minha. O nosso segundo tempo teve uma queda muito grande, por cansaço”, afirmou o técnico Abel Braga.

O Vasco também jogou neste meio de semana, mas pelo Carioca – bateu o Macaé por 2×1. A Taça Rio será uma preparação da equipe de Zé Ricardo para o início da Libertadores. O time começa a sua campanha na fase de grupos no próximo dia 13, quando enfrenta a Universidad de Chile. O grupo do Vasco é duríssimo. Além do tradicional rival chileno, conta também com Cruzeiro e com o Racing, da Argentina.

O gol da vitória sobre o Macaé ocorreu no último minuto. Para o técnico Zé Ricardo, tais oscilações são naturais. “O time ainda está se acertando em diversos setores. Tudo aquilo que ocorreu no começo do ano, com a mudança na presidência, ainda está se refletindo na nossa preparação. Vamos melhorar aos poucos, a torcida pode ter tranquilidade com relação a isso”, concluiu.

 

Jogos da 3ª rodada da Taça Rio 2018

Sábado, 3 de março

  • 16:45 – Bangu x Portuguesa – Palpite: Bangu
  • 17:00 – Flamengo x Botafogo – Palpite: Empate

Domingo, 4 de março

  • 15:45 – Nova Iguaçu x Madureira – Palpite: Nova Iguaçu
  • 17:00 – Cabofriense x Macaé – Palpite: Empate
  • 17:00 – Fluminense x Volta Redonda – Palpite: Flu
  • 19:30 – Vasco x Boavista – Palpite: Vasco

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar