Copa do Mundo Rússia 2018

Grupo D da Copa do Mundo 2018: confira palpites e prognósticos para a estreante Islândia diante da Nigéria

Islândia vs Argentina
Foto: ALEXANDER NEMENOV/AFP/Getty Images

Segurar Messi foi só o primeiro capítulo da proeza da Islândia, que pode estar muito mais perto das oitavas do que a gente imagina…                       

O Grupo D é mesmo uma máquina de boas histórias. Além do drama da Argentina, outro grande assunto da chave é a ascensão da Islândia, um país de meros 300 mil habitantes que conseguiu ficar no 1×1 contra a poderosa seleção de Lionel Messi. Os islandeses estão mesmo de parabéns. Com um jogo físico e bastante simples, a seleção conseguiu se fechar e evitar qualquer ponto perdido nesta estreia não só na Copa do Mundo da Rússia, mas também em toda a história dos Mundiais.

Depois da primeira rodada, vem agora a grande questão: a Islândia tem chances de vencer a Nigéria, a sua adversária das 12h (de Brasília) desta sexta (22) em Volgogrado?

 

Existe arroz com feijão na Islândia?

Se a Islândia fosse um time do futebol brasileiro, falaríamos que é uma equipe que joga o “arroz com feijão”. No caso dos islandeses, com um tempero caprichado. Eles reconheceram as suas limitações e capricharam na simplicidade de um 4-4-1-1 que foi uma verdadeira muralha durante todo o tempo. As duas linhas de quatro homens ficaram fechadas durante os 90 minutos, e nem o badalado ataque argentino conseguiu um jeito de vazar o sistema defensivo que deu um verdadeiro banho de capacidade e de entrega.

O técnico Helmir Hallgrímsson, que é dentista, com certeza guardou o melhor dos seus sorrisos para a noite de sábado ao falar com o seu elenco. Ninguém deve esperar a Islândia jogando de maneira diferente diante da Nigéria. Nem o fato de a equipe africana se defender mal vai mudar algo no sistema de atuar dos islandeses. Eles vão se fechar, brigar pela bola desesperadamente e tentar levar perigo especialmente no jogo aéreo, aproveitando a sua média de altura de 1,86 metro. É um time que pode fazer estrago no mata-mata – mas o difícil é realmente chegar lá.

Se a Islândia vencer a Nigéria, e a Croácia bater a Argentina, islandeses e croatas podem entrar na última rodada já praticamente garantidos nos mata-matas. Como jogam entre si na rodada final, bastaria um empate, daqueles bem simples, para que ambos avançassem juntos e para deixar Argentina e Nigéria eliminadas independentemente do resultado da partida entre as duas.

 

Nigéria quer provar que está viva

Quem viu o Croácia 2×0 Nigéria de sábado ficou com a sensação de que a equipe africana fez realmente aquilo que podia se pedir dela: brigou do começo ao fim, mas não teve nenhuma contundência ao buscar o gol. Outro motivo de muita desconfiança foi a atuação da defesa, frágil tanto pelas laterais quanto pelo jogo pelo centro.

A Nigéria chutou ainda mais que a Croácia (14 a 11), sinal que o trabalho do meio-campo foi feito com relativo sucesso. O jogo poderia ser outro sem o gol contra de Otebo no primeiro tempo, verdade, mas o fato de Mikel, Iwobi e Ighalo, os três homens de frente, terem saído de campo mostra como o time titular da Nigéria é limitado – e o pior é que quem entrou vindo do banco de reservas tampouco conseguiu melhorar muito as coisas depois da alteração.

O que deve chamar a atenção nesta partida de sexta é o jogo duro dos dois lados. A Islândia mostrou que é uma equipe das mais físicas, e a Nigéria também não deixa absolutamente nada para trás. Foi um verdadeiro milagre o zagueiro Ekong não ter sido expulso e só receber um cartão amarelo ante a Croácia. Será outro milagre ver o encontro contra a Nigéria terminar com os 22 em campo…

 

Palpite

A Islândia demonstrou mais condições técnicas e táticas, mas resta saber como a seleção vai lidar com a possibilidade de realmente ganhar e encaminhar a sua vaga para a segunda fase da Copa. Tudo bem que a expectativa no país é muito tranquila, e que a mera presença no Mundial já é um feito de enorme comemoração entre os islandeses, mas além da força física, vai ser preciso ver como anda a força mental da equipe. Se eles tiverem condições de superar também esta barreira, possuem mais chance de vencer – nenhum resultado astronômico, um básico e suficiente 1×0 ficaria de bom tamanho.

 

Jogos do Grupo D da Copa do Mundo 2018

Sábado, 16 de junho 

  • Argentina 1×1 Islândia
  • Croácia 2×0 Nigéria 

Quinta-feira, 21 de junho 

  • 15:00 – Argentina x Croácia – Palpite: Argentina 

Sexta-feira, 22 de junho 

  • 12:00 – Islândia x Nigéria – Palpite: Islândia

Terça-feira, 26 de junho 

  • 15:00 – Nigéria x Argentina
  • 15:00 – Islândia x Croácia

 

Comentários

1 Comentário

1 Comentário

  1. Pingback: Humor: será que assim resolve? | Ganhador.com

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.