Ganhador.com

Dicas de Apostas

GP da Itália: na casa da Ferrari, favoritismo é de Sebastian Vettel

Sebastian Vettel da Ferrari
Foto: Dan Mullan/Getty Images

Alemão vem de vitória na Bélgica e pode tirar liderança do campeonato de Lewis Hamilton

No próximo final de semana, o circo da Fórmula 1 desembarca na Itália para a 14ª etapa do Campeonato Mundial, que acontece no tradicional circuito de Monza.

Assim como em 2017, a disputa pelo título segue polarizada entre Lewis Hamilton, da Mercedes, e Sebastian Vettel, da Ferrari. O inglês tem uma pequena vantagem de 17 pontos, mas o carro do alemão parece mais consistente nesta reta final de campeonato. Vettel venceu a última corrida, na Bélgica, e pode retomar a liderança se for novamente o mais rápido. Para isso, ele terá o apoio dos apaixonados torcedores ferraristas, que sempre marcam presença em corridas disputadas na Itália.

O campeonato não apresentou muitas surpresas até aqui, mas de acordo com o Bumbet, você poderá faturar uma bolada se algum piloto que não figura entre os favoritos vencer a prova. Confira nossos prognósticos e faça suas apostas.

 

Vitória de Vettel rende 90%

O Grande Prêmio da Itália é sempre um momento especial da temporada para torcedores e pilotos da Ferrari. Em seu país de origem, a equipe costuma ser recebida de forma muito calorosa por uma legião de fãs apaixonados. Os resultados nas últimas temporadas, contudo, foram decepcionantes. A escuderia não vence a prova desde 2010, quando Fernando Alonso ainda conduzia o carro vermelho.

Neste interim, nenhum ferrarista chegou à Monza com tantas chances de vencer quanto Vettel esse ano. O piloto alemão tem sido constantemente o mais rápido do grid, subiu ao topo do pódio na Bélgica, e agora vislumbra a chance de retomar a ponta da tabela de classificação.

As cotas do Bumbet apontam que um novo triunfo do alemão renderá R$ 1,90 por cada real apostado. Se o piloto terminar na frente do seu companheiro, Kimi Raikkonen, o lucro do apostador será de 25%. Caso o tetracampeão largue na pole position, o rendimento será de R$ 1,71/ R$ 1,00.

Kimi Raikkonen ainda não venceu nesta temporada, mas se o finlandês conquistar os 25 pontos na Itália você poderá embolsar 5,5 vezes o valor investido.

 

Hamilton contabiliza quatro vitórias em seis anos

Apesar de nunca ter pilotado uma Ferrari, Lewis Hamilton também tem uma relação toda especial com o circuito italiano. O inglês venceu quatro vezes em Monza nas últimas seis temporadas, a primeira quando defendia a McLaren, em 2012, e as seguintes já pela Mercedes, em 2014, 2015 e 2017. Sua equipe, aliás, já domina a prova há quatro anos, pois venceu também em 2016, com Nico Rosberg.

A esta altura do campeonato no ano passado, o título já estava bem encaminhado para Hamilton, mas desta vez é a Ferrari que atravessa um melhor momento. Apesar de ainda liderar o campeonato, o tetracampeão vê o rival pedindo passagem, e precisa voltar a vencer para não ser surpreendido na reta final da competição.

O inglês aparece em segundo lugar na bolsa de apostas, com um retorno de 195% para a vitória. A pole position devolve 200%, e a volta mais rápida rende R$ 4,50 por cada real investido.

Correndo por fora, seu companheiro Bottas tem o triunfo cotado em R$ 12,00/R$ 1,00.

 

RBR tem nova unidade de potência

A Red Bull foi a única equipe que conseguiu fazer frente à Ferrari e Mercedes ao longo da temporada, e até conseguiu três vitórias, com Daniel Ricciardo na China e em Mônaco, e Max Verstappen na Áustria. No entanto, distanciou-se do sonho de brigar pelo Mundial de Construtores após os péssimos resultados na Inglaterra, Alemanha e Hungria. Sem subir ao pódio nestas três corridas, os austríacos ficaram a 137 pontos de distância dos líderes.

O período de vacas magras coincidiu com uma série de problemas com os carros, punições e testes de novos componentes. A novidade em Monza será o uso da unidade de potência Spec 3, da Renault, que deve tornar os carros mais rápidos, porém, menos confiáveis.

A RBR já venceu duas vezes na Itália, ambas com Vettel, em 2011 e 2013. Caso um de seus pilotos volte ao ponto mais alto do pódio no domingo, o apostador embolsará nada menos do que R$ 15,00 por cada real apostado. A volta mais rápida vale R$ 7,00/R$ 1,00. De acordo com  o Bumbet, o investidor ainda poderá lucrar 50% se Ricciardo e Vesrtappen conseguirem completar a prova.

 

Programação do GP de Monza 2018

  • Sexta-Feira, 31/08 – 06:00 – 1º Treino Livre
  • Sexta-Feira, 31/08 – 10:00 – 2º Treino Livre
  • Sábado, 01/09 – 07:00 – 3º Treino Livre
  • Sábado, 01/09 – 10:00 – Treino Classificatório
  • Domingo, 02/09 – 10:10 – Corrida

Cotas para a vitória no GP de Monza

Odds em 29 de agosto, segundo o Bumbet

  • Sebastian Vettel – R$ 1,90/R$ 1,00
  • Lewis Hamilton – R$ 2,95/R$ 1,00
  • Kimi Raikkonen – R$ 5,50/R$ 1,00
  • Valtteri Bottas – R$ 12,00/R$ 1,00
  • Max Verstappen – R$ 25,00/R$ 1,00
  • Daniel Ricciardo – R$ 25,00/R$ 1,00
  • Charles Leclerc – R$ 1.001,00/R$ 1,00
  • Kevin Magnussen – R$ 1.001,00/R$ 1,00
  • Sergio Pérez – R$ 1.001,00/R$ 1,00
  • Romain Grosjean – R$ 1.001,00/R$ 1,00
  • Esteban Ocon – R$ 1.001,00/R$ 1,00
  • Marcus Ericsson – R$ 1.501,00/R$ 1,00
  • Pierre Gasly – R$ 1.501,00/R$ 1,00
  • Carlos Sainz Jr – R$ 2.001,00/R$ 1,00
  • Nico Hulkenberg – R$ 2.001,00/R$ 1,00
  • Fernando Alonso – R$ 2.501,00/R$ 1,00
  • Stoffel Vandoorne – R$ 3.001,00/R$ 1,00
  • Brendon Hartley – R$ 3001,00/R$ 1,00
  • Lance Stroll – R$ 4001,00/R$ 1,00
  • Sergey Sirotkin – R$ 4001,00/R$ 1,00

 

Classificação do Campeonato Mundial de Pilotos 2018

  1. Lewis Hamilton (Mercedes) – 231
  2. Sebastian Vettel (Ferrari) – 214
  3. Kimi Raikkonen (Ferrari) – 146
  4. Valtteri Bottas (Mercedes) – 144
  5. Max Verstappen (RBR) – 120
  6. Daniel Ricciardo (RBR) – 118
  7. Nico Hulkenberg (Renault) – 52
  8. Kevin Magnussen (Haas) – 49
  9. Fernando Alonso (McLaren) – 44
  10. Sergio Pérez (Force India) – 40
  11. Esteban Ocon (Force India) – 37
  12. Carlos Sainz Jr. (Renault) – 30
  13. Pierre Gasly (STR)- 28
  14. Romain Grosjean (Haas) – 27
  15. Charles Leclerc (Sauber) – 13
  16. Stoffel Vandoorne (McLaren) – 8
  17. Marcus Ericsson (Sauber) – 6
  18. Lance Stroll (Williams) – 4
  19. Brendon Hartley (STR) – 2
  20. Sergey Sirotkin (Williams) – 0

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar