Ganhador.com

Amistosos de seleções

Confira palpites e prognósticos para os amistosos entre Brasil x El Salvador e Argentina x Colômbia

Casemiro pela Seleção Brasileira
Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Seleções mais tradicionais do continente têm desafios bem diferentes entre si nesta sequência da renovação de seus elencos

A noite de terça-feira (11) será especial para o fanático por futebol que curte acompanhar as movimentações das seleções sul-americanas. Às 21h (de Brasília), em Nova Jérsei, a renovadíssima Argentina realiza um amistoso contra a Colômbia, que vem afiada e com muitos jogadores experientes em campo, como Cuadrado, Falcao García e Bacca. Um pouco depois, às 21h30, será dado o pontapé inicial para Brasil x El Salvador, que se enfrentam em Maryland. O Ganhador conta a partir de agora tudo o que é preciso saber para acompanhar as duas partidas com boas referências na hora de estabelecer um palpite para cada uma delas.

Brasil troca seis jogadores

Não há o que esconder de ninguém que o amistoso entre a seleção brasileira e El Salvador é praticamente irrisório do ponto de vista esportivo. Há um abismo de qualidade do tamanho da distância territorial entre os dois países.

E se o adversário é tão frágil assim, é normal que Tite use o amistoso desta terça para “apresentar” a seleção a vários dos seus novos convocados, que terão a oportunidade de acumular bagagem com a equipe nacional. Nada muito diferente do que é visto habitualmente em ocasiões assim. Mesmo com uma equipe B, é bastante provável que a seleção ganhe por placares bem elevados – um 3×0 seria ainda uma vitória magra, tamanha a diferença técnica. Quem imaginar um 5×0 ou 6×0 não estará muito distante da realidade, não.

Tite vai trocar seis jogadores com relação à vitória por 2×0 diante dos Estados Unidos na última sexta-feira. As mudanças são as seguintes: Alisson, Fabinho, Thiago Silva, Filipe Luís, Fred e Firmino vão dar lugar a Neto, Militão, Dedé, Alex Sandro, Arthur e Richarlison.

E como há a possibilidade de seis alterações durante a partida, é muito provável que jogadores como Andreas Pereira, Felipe, Lucas Paquetá e Everton sejam também utilizados.

Este será o último compromisso do Brasil nesta turnê pelos Estados Unidos. O grupo volta a se reunir em outubro, quando enfrenta Arábia Saudita e Argentina nos dias 12 e 16.

Nova Argentina aposta em Icardi

O Argentina x Colômbia das 21h promete ser bem mais interessante, por dois motivos. 1) Há um nível técnico ao menos semelhante entre as duas seleções. 2) A Argentina promete uma escalação bastante ofensiva, aproveitando muitos jogadores que foram pedidos aos gritos na Copa do Mundo da Rússia e que ainda assim acompanharam o Mundial pela TV.

E um desses nomes que poderiam ajudar a azul e branca na sua desastrosa campanha na Copa é o de Mauro Icardi, da Inter de Milão. Artilheiro do último Campeonato Italiano, e ainda assim nem levado como reserva pelo explosivo Jorge Sampaoli, Icardi agora é mais do que uma simples opção no grupo, e sim uma referência para os jovens que estarão ao redor dele.

A revitalização da seleção argentina vem dando certo, e muito do mérito vem sendo do técnico Lionel Scaloni, responsável pelo Sub-20 do país. Ele demonstra sem muito mais “normal” que Sampaoli, repleto de manias, e sua sintonia com o grupo está demonstrando uma equipe agressiva e que sabe se defender bem – duas características, aliás, que fazem parte do DNA argentino de jogar futebol. Mostras disso vieram no último sábado, na vitória por 3×0 sobre a frágil Guatemala, com gols de Pity Martínez, Lo Celso e Giovanni Simeone.

Os titulares argentinos nesta noite devem ser os seguintes: o goleiro será Franco Armani, de excelente momento no River, com Bustos, Pezella, Funes Mori e Huevo Acuña na defesa; Battaglia e Paredes serão os volantes, com Meza, Dybala e Cervi servindo Icardi, o atacante de ofício nesta noite.

A Colômbia sofreu com um desfalque importante: o lateral-esquerdo Santiago Arias foi liberado a voltar ao Atlético de Madri depois de sentir dores na costela. A Colômbia também vem de vitória em seu último amistoso realizado, batendo a Venezuela por 2×1 na sexta-feira. E assim como a Argentina, a seleção cafetera é comandada por um interino, Arturo Montero, pois José Pekerman se despediu da equipe na semana passada. Há muitos jogadores de destaque vestindo a camisa amarela, como Ospina, Wilmar Barrios, Cuadrado, Quintero, Falcao García e Bacca.

Palpites

Convenhamos que enfrentar El Salvador é pedir para receber críticas – que a seleção brasileira negocie com adversários mais interessantes da próxima vez. Imaginar um 4×0, pela fragilidade do rival, e pela vontade dos novatos de demonstrar serviço, não é nada irreal.

Já Argentina x Colômbia tem um panorama bem diferente. É interessante prever um empate – o 1×1 não estaria nada fora da realidade demonstrada pelas duas seleções até aqui.

Principais amistosos entre seleções

Terça-feira, 11 de setembro
  • 15:45 – Polônia x Irlanda – Palpite: Polônia
  • 16:00 – Inglaterra x Suíça – Palpite: Inglaterra
  • 21:00 – Argentina x Colômbia – Palpite: Argentina
  • 21:30 – Brasil x El Salvador – Palpite: Brasil
  • 21:30 – EUA x México – Palpite: Empate

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar