Ganhador.com

Copa do Mundo Rússia 2018

Confira nossos palpites para todos os jogos da primeira rodada da Copa do Mundo 2018

A bola começa a rolar em Moscou nesta quinta-feira, dia 14, a partir das 12 horas, com o jogo entre Rússia e Arábia Saudita.

Foto: Reprodução

Rússia e Arábia Saudita abrem oficialmente a Copa do Mundo 2018 e fazem o único – e pouco interessante – jogo do primeiro dia do torneio. Mas com todos os problemas que a Seleção Espanhola passou às vésperas da estreia, o grande jogo da rodada será, sem dúvida, o duelo contra Portugal na sexta-feira, à frente do aguardado encontro entre a problemática Argentina e a surpreendente Islândia.

A bola vai rolar na Copa do Mundo da Rússia à partir do meio-dia – veja a programação da TV aqui – com o jogo inaugural entre a Seleção Russa e a equipe da Arábia Saudita. Um duelo, a bem da verdade, pouco interessante pelo que podem apresentar as duas equipes.

Além, evidentemente, das estreias dos favoritos, chamará a atenção a briga de cachorros grandes entre Portugal e Espanha que anunciou na quarta-feira, dia 13, a demissão do técnico Julen Lopetegui que na terça-feira, 11, havia anunciado seu acordo para ser o treinador do Real Madrid passada a Copa do Mundo – isso tudo após, recentemente, ter prolongado seu contrato com a Fúria até 2020. O modo como a negociação entre Lopetegui e Real foi conduzida irritou o presidente da Federação Espanhola, Luis Rubiales, que demitiu seu treinador há dois dias da estreia contra a forte Seleção Portuguesa e promoveu o ex-jogador e membro da comissão técnica, Fernando Hierro, ao posto de comandante do time, apesar dos apelos dos líderes da equipe (Sergio Ramos, Piqué e Iniesta) pela manutenção de Lopetegui. Começou mal a Copa do Mundo para a Espanha.

Nos demais grupos, salvo algum “desastre” nos próximos dias, não deveremos ter surpresas, mas temos fortes candidatos a “zebra” no quintal de Putin. Leia a seguir, nosso pool completo de palpites para a primeira rodada dos grupos da Copa do Mundo.

 

Grupo A

Rússia x Arábia Saudita

Sejamos honestos: nem Putin acredita que a Rússia passe pela fase de grupos. Fosse a Copa do Mundo realizada em outro país, a Seleção Russa dificilmente teria conseguido sua classificação nas eliminatórias. Sem vencer há sete jogos, os russos são os azarões do Grupo A. Enfrentam a Arábia Saudita, outra equipe que não empolga mas que, diferentemente dos donos da casa, sabe como se fechar na defesa e vender caro suas derrotas – como bem podem dizer as seleções da Itália e da Alemanha que suaram para vencer os sauditas por 2 a 1. A última vitória do selecionado treinado pelo argentino Juan Antonio Pizzi foi em 15 de maio (2 a 0 sobre a Grécia). De lá para cá, foram as duas derrotas mencionadas anteriormente e uma goleada por 3 a 0 imposta pelo Peru no último dia 3. Como é impossível acreditar na possibilidade de derrota dos dois times, o mais provável é que os sauditas vençam por um placar magro, mas um empate não seria um resultado improvável.

Egito x Uruguai

Este sim é o jogo que pode tirar da boca o gosto ruim que o duelo entre Rússia e Arábia Saudita deve deixar na quinta-feira, dia 14. A qualidade do Uruguai é inegável. Contando com os talentos de Suárez e Cavani e dos veteranos Godín e Muslera, a Celeste aposta também nas habilidades dos jovens Lucas Torreira, Matias Vecino e Rodrigo Betancur – todos atuando no futebol italiano. O cruzeirense Arrascaeta é outro talento que precisa ser levado em consideração na “equação uruguaia”. O Egito chega como favorito a ficar com uma das duas vagas do grupo – assumindo-se que o Uruguai é o dono da outra – graças, principalmente ao talento de Mohamed Salah, que machucou-se na final da Liga dos Campeões e será avaliado momentos antes do jogo podendo ficar fora da estreia egípcia. Mas, mesmo com o craque em campo, a bola precisará chegar até ele e, elenco por elenco, o Uruguai é mais time e não deverá ter trabalho para estrear com uma boa vitória em solo russo.

 

Grupo B

Marrocos x Irã

As duas seleções chegam para a Copa como coadjuvantes no Grupo B e com pouquíssimas chances de classificação à próxima fase. Apoiado em um bom sistema defensivo liderado pelo zagueiro Benatia – da Juventus –, o Marrocos passou pela fase classificatória sem sofrer um único gol nos seis jogos disputados contra Costa do Marfim, Gabão e Mali. No mesmo nível de comparativo, a seleção do Irã não perdeu nenhum dos 10 jogos que fez pelas eliminatórias para a Copa e sofreu apenas 2 gols em todos os jogos. Desempenho que não garante aos times sonharem alto na competição e promete um jogo “encruado” na sexta-feira. Cheira a empate, mas se for para escolher um vencedor, meu palpite é vitória marroquina.

Portugal x Espanha

É o jogo da rodada. Principalmente pela bagunça que virou o ambiente da Seleção da Espanha com a intempestiva saída do técnico Lopetegui. Portugal, que nunca venceu a Fúria em uma Copa do Mundo, foi eliminada pelos espanhóis nas oitavas de final da Copa de 2010 e perdeu, nos pênaltis, a vaga para a final da Euro 2012, terá, nesta sexta-feira, a grande oportunidade de ir à forra contra o time de Iniesta e companhia. No papel, a Espanha tem um jogo coletivo mais forte que o de Portugal – que praticamente se resume ao talento de Cristiano Ronaldo. Mas a mudança de técnico, com a chegada de alguém que era da comissão técnica para assumir o comando, pode afetar o desempenho do time em campo – estamos vendo isso acontecer com o Corinthians no Campeonato Brasileiro, por exemplo. Por conta principalmente disto, acho válido acreditar que Portugal pode, pela primeira vez, triunfar sobre a Espanha em uma Copa do Mundo.

 

Grupo C

França x Austrália

Favoritos a ficarem com uma das vagas do Grupo C, os franceses deverão confirmar a superioridade do seu time sobre a bagunçada Seleção Australiana que agora sob o comando de Bert van Marwijk tem como único mérito a boa e velha retranca. Não será um passeio dos Bleus em seu primeiro jogo no quintal de Putin e o “Aussie Team” venderá caro a derrota, mas cara ou não, uma derrota segue sendo uma derrota. Melhor para os franceses que poderão assistir, depois, a “briga de foice” que fecha o grupo.

Peru x Dinamarca

Inegavelmente, um duelo que tem tudo para ser muito equilibrado. As duas equipes defendem uma invencibilidade de 16 jogos e, organizadas, não irão para o ataque loucamente. O vencedor deste jogo muito provavelmente ficará com a outra vaga do grupo – assumindo que a França não vai refugar e se garantirá na próxima fase e que a Austrália não tem a menor chance. Com Guerrero em campo, o Peru fica um passinho à frente dos dinamarqueses e deve sair de campo com uma vitoria por um placar bem magro.

 

Grupo D

Argentina x Islândia

O jogo com maior potencial para zebra na primeira rodada é este duelo do Grupo D. A classificação argentina, no sufoco, e os resultados pouco convincentes sob o comando de Jorge Sampaoli – e antes dele, sejamos honestos – contrasta com o surpreendente desempenho da Islândia que chegou à Copa do Mundo com um aproveitamento de 73,3% dos pontos nas eliminatórias – mandando, inclusive, a Croácia para a repescagem – e uma classificação às quartas de final da Eurocopa 2016. A camisa argentina pesa – e Messi pode fazer a diferença – mas eu acredito que a Islândia pode vencer nossos hermanos por um placar magro e como consequência, subir a temperatura das churrasqueiras de Sampaoli e derreter suas frases motivacionais na primeira rodada do grupo.

Croácia x Nigéria

Os dois times que fecham o equilibrado Grupo D também devem fazer um jogo bem interessante. A Croácia vem de bons resultados e vendeu caro a derrota para o Brasil no amistoso antes da Copa – Tite e seus bluecaps foram salvos por Neymar no segundo tempo. Apesar de ter se classificado bem nas eliminatórias africanas, a Nigéria sofreu 4 derrotas e conquistou 1 empate nos últimos 5 jogos que disputou (um deles contra o Atlético de Madrid). Isso dá uma dimensão do abismo que separa o futebol europeu do africano. Enfrentando um time que conta com o talento de Luka Modric, Ivan Rakitic e Ivan Perisic, a Nigéria, apesar de toda a correria, deverá ser presa fácil para o bom time croata que lutará, sim, pelo primeiro lugar no grupo.

 

Grupo E

Costa Rica x Sérvia

O amistoso contra a Bélgica antes da Copa do Mundo serviu para mostrar claramente que a Seleção da Costa Rica envelheceu mal e nem de longe lembra o time que surpreendeu em 2014. Mais organizada e talentosa, a Sérvia não deverá ter problemas para vencer seu primeiro duelo no Grupo E e entrar na briga com Brasil e Suíça por uma das vagas à próxima fase.

Brasil x Suíça

Tite aposta na solidez defensiva do Brasil – foram apenas 2 gols sofridos nos últimos 10 jogos – para superar o nervosismo da estreia, o desfalque de Daniel Alves, Neymar voltando de uma cirurgia e ainda fora de sua melhor forma e a falta de entrosamento do meio-campo que sempre jogou com Paulinho e Renato Augusto mas agora precisa aprender a jogar com Paulinho e Coutinho – uma vez que Renato, contundido, caiu muito de rendimento no último ano. A Suíça não é um time bobo ou sem talento. Luta, sim, por uma vaga na próxima fase, mas não deverá aprontar para cima do Brasil que, firme na defesa, deverá conquistar a vitória com um placar magro.

 

Grupo F

Alemanha x México

Atual campeã mundial, a Alemanha chega para seu primeiro jogo no Grupo F vinda de uma inesperada sequência de cinco jogos sem vitórias. Mas não se deixe enganar, porque a série desfavorável não mexeu com a “frieza” alemã e os comandados de Joachim Löw chegam fortes para a defesa do título. Têm pela frente o “bagunçado” México de Juan Carlos Osório que saiu do São Paulo para levar os mexicanos à Copa do Mundo. O time tem grandes problemas na defesa – principalmente pelo lado esquerdo – que deverão ser explorados pelo alemães. Mesmo com os cinco “tropeços” a Alemanha vai crescer para cima do México e começar a Copa com uma vitória.

Suécia x Coreia do Sul

A Suécia, que eliminou a Itália, chega para a Copa do Mundo em má-fase sem convencer nos últimos amistosos. Mesmo caso da Coreia do Sul que não empolga e honestamente falando, não deverá ir muito longe. Mais organizada e com um pouco mais de qualidade, a Suécia deve vencer em sua estreia e ficar em uma boa posição para garantir-se na próxima fase.

 

Grupo G

Bélgica x Panamá

Possível goleada no Grupo G! Os Belgas enfrentaram a Costa Rica na última segunda-feira como preparação para este jogo e enfiaram 4 gols em uma defesa que, se não é mais a mesma de 2014, é, inegavelmente, melhor que a do Panamá. Uma grande oportunidade para os Diabos Vermelhos mostrarem serviço e fazerem um saldo de gols que pode definir o primeiro colocado do grupo. Vitória certa.

Tunísia x Inglaterra

A Seleção Inglesa é um caso “engraçado”. Não é um time que empolga; não está entre os grandes favoritos e não conquista grandes resultados. Por outro lado, Gareth Sothgate beneficia-se do bom sistema defensivo herdado de seus antecessores – sistema este que não levou gols em sete dos últimos 10 jogos disputados e garantiu a campanha invicta dos súditos da Rainha Elizabeth nas eliminatórias, com 8 vitórias e 2 empates. Um desempenho consistente e suficiente para garantir uma vitória – magra – sobre a Tunísia que chega à Rússia como mais uma coadjuvante da Copa.

 

Grupo H

Colômbia x Japão

Assim como o Grupo D, este Grupo H conta com quatro equipes com desempenhos muito similares entre si. Neste primeiro jogo, entretanto, a Colômbia leva uma ligeira vantagem pelo seu retrospecto: são quatro jogos de invencibilidade e enfrentará um Japão que se classificou com alguma tranquilidade para a Copa mas que, no momento, vem tendo dificuldades para se adaptar ao sistema de jogo (3-4-2-1) proposto pelo técnico Akira Nishino. São grandes as chances de a Colômbia levar esta – mas não será um placar muito elástico.

Polônia x Senegal

Tradicionalmente uma seleção africana surge como grande surpresa da Copa do Mundo. A maior candidata a cumprir este papel na Rússia é a equipe senegalesa que chega à Rússia com uma base muito sólida: Kalidou Koulibaly na defesa, Idrissa Gana Gueye e Ndiaye no meio e Sadio Mané no ataque. Classificada com alguma tranquilidade em seu grupo nas eliminatórias Africanas para a Copa, Senegal encara a Polônia de Robert Lewandowski, que classificou-se tranquilamente para a Copa, mas vem mostrando uma preocupante queda de rendimento nos últimos jogos que disputou. Acredito na surpresa senegalesa para este duelo e uma briga feia entre Polônia e Colômbia pela outra vaga do grupo.

 

Tabela da 1ª fase da Copa do Mundo:

Quinta-feira, 14 de junho:

  • 11h00: Cerimônia de Abertura, Globo, Sportv e Fox.
  • 12h00: Rússia x Arábia Saudita, Globo, Sportv e Fox.

Sexta-feira, 15 de junho:

  • 09h00: Egito x Uruguai, Globo, Sportv e Fox.
  • 12h00: Marrocos x Irã, Globo, Sportv e Fox.
  • 15h00: Portugal x Espanha, Globo, Sportv e Fox.

Sábado, 16 de junho:

  • 07h00: França x Austrália, Globo, Sportv e Fox.
  • 10h00: Argentina x Islândia, Globo, Sportv e Fox.
  • 13h00: Peru x Dinamarca, Globo, Sportv e Fox.
  • 16h00: Croácia x Nigéria, Globo, Sportv e Fox.

Domingo, 17 de junho:

  • 09h00: Costa Rica x Sérvia, Globo, Sportv e Fox.
  • 12h00: Alemanha x México, Globo, Sportv e Fox.
  • 15h00: Brasil x Suíça, Globo, Sportv e Fox. 

Segunda-feira, 18 de junho:

  • 09h00: Suécia x Coreia do Sul, Globo, Sportv e Fox.
  • 12h00: Bélgica x Panamá, Globo, Sportv e Fox.
  • 15h00: Tunísia x Inglaterra, Globo, Sportv e Fox.

Terça-feira, 19 de junho:

  • 09h00: Polônia x Senegal, Globo, Sportv e Fox.
  • 12h00: Colômbia x Japão, Globo, Sportv e Fox.
  • 15h00: Rússia x Egito, Globo, Sportv e Fox.

Quarta-feira, 20 de junho:

  • 09h00: Portugal x Marrocos, Globo, Sportv e Fox.
  • 12h00: Uruguai x Arábia Saudita, Globo, Sportv e Fox.
  • 15h00: Irã x Espanha, Globo, Sportv e Fox.

Quinta-feira, 21 de junho:

  • 09h00: França x Peru, Globo, Sportv e Fox.
  • 12h00: Dinamarca x Austrália, Globo, Sportv e Fox.
  • 15h00: Argentina x Croácia, Globo, Sportv e Fox.

Sexta-feira, 22 de junho:

  • 09h00: Brasil x Costa Rica, Globo, Sportv e Fox.
  • 12h00: Nigéria x Islândia, Globo, Sportv e Fox.
  • 15h00: Sérvia x Suíça, Globo, Sportv e Fox.

Sábado, 23 de junho:

  • 09h00: Bélgica x Tunísia, Globo, Sportv e Fox.
  • 12h00: Alemanha x Suécia, Globo, Sportv e Fox.
  • 15h00: Coreia do Sul x México, Globo, Sportv e Fox.

Domingo, 24 de junho:

  • 09h00: Inglaterra x Panamá, Globo, Sportv e Fox.
  • 12h00: Japão x Senegal, Globo, Sportv e Fox.
  • 15h00: Polônia x Colômbia, Globo, Sportv e Fox.

Segunda-feira, 25 de junho:

  • 11h00: Uruguai x Rússia, Globo, Sportv e Fox.
  • 11h00: Arábia Saudita x Egito, Sportv 2 e Fox 2.
  • 15h00: Espanha x Marrocos, Globo, Sportv e Fox.
  • 15h00: Irã x Portugal, Sportv 2 e Fox 2.

Terça-feira, 26 de junho:

  • 11h00: Dinamarca x França, Globo, Sportv e Fox.
  • 11:00: Austrália x Peru, Sportv 2 e Fox 2.
  • 15h00: Islândia x Croácia, Sportv 2 e Fox 2.
  • 15h00: Nigéria x Argentina, Globo, Sportv e Fox.

Quarta-feira, 27 de junho:

  • 11h00: México x Suécia, Sportv 2 e Fox 2.
  • 11:00: Coreia do Sul x Alemanha, Globo, Sportv e Fox.
  • 15h00: Sérvia x Brasil, Globo, Sportv e Fox.
  • 15h00: Suíça x Costa Rica, Sportv 2 e Fox 2.

Quinta-feira, 28 de junho:

  • 11h00: Senegal x Colômbia, Globo, Sportv e Fox.
  • 11:00: Japão x Polônia, Sportv 2 e Fox 2.
  • 15h00: Inglaterra x Bélgica, Globo, Sportv e Fox.
  • 15h00: Panamá x Tunísia, Sportv 2 e Fox 2.

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar