Ganhador.com

Baiano

Com confusão do Ba-Vi ainda longe do fim, Vitória recebe desesperado Jacobina e Bahia visita vice-líder Juazeirense na penúltima rodada do Baiano

Ba-Vi Bahia x Vitória briga
Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

Jogadores envolvidos na batalha campal começam a cumprir punições impostas pelo TJD-BA neste domingo; rubro-negros podem garantir classificação antecipada, enquanto tricolores têm confronto direto pela frente

O primeiro Ba-Vi do ano ainda segue rendendo pauta depois que o Tribunal de Justiça Desportiva da Bahia (TJD-BA) puniu sete jogadores envolvidos na briga do clássico há duas semanas. Em meio à guerra nos bastidores entre ambos os clubes, o Campeonato Baiano, que até teve chance de ser paralisado, continua com a oitava e penúltima rodada da fase de grupos. E as duas equipes têm importantes missões no domingo (4 de março), data de todos os cinco jogos da jornada. Líder do Estadual com 16 pontos, o Leão busca uma vitória dentro de casa contra o penúltimo colocado Jacobina para sacramentar vaga no mata-mata. Já o Esquadrão de Aço, terceiro com 14 pontos, tem um duro embate com o Juazeirense, segundo na tabela e que também pode carimbar a classificação antecipada. Confira as análises dos jogos de logo mais!

 

Vitória x Jacobina

Como não poderia deixar de ser, o Vitória entra em campo no domingo ainda com o pensamento no lamentável Ba-Vi. Isso porque será o primeiro jogo em que os jogadores punidos pelo TJD-BA cumprirão suspensão. São os casos de Kanu, que pegou 10 jogos de gancho, Denilson, Rhayner e Yago, todos suspensos pelas próximas oito partidas da competição.

Apesar das duras punições na mesa dos réus, o clube acabou “comemorando” o fato de o seu técnico Vagner Mancini, acusado de solicitar ao jogador Bruno Bispo que forçasse o segundo amarelo durante o jogo, ser absolvido e ainda ter negada sua exclusão do campeonato.

O problema é que os bastidores vêm afetando o desempenho dos jogadores dentro de campo, já que no meio de semana o clube abriu a terceira fase da Copa do Brasil com derrota para o Bragantino em Bragança Paulista. E mais uma vez a equipe teve dois jogadores expulsos: Yago e Uillian Correia.

Com um “pepino na mão” para escalar os 11 titulares, Vagner Mancini terá certamente que mudar a forma de jogar. Para sua “sorte”, o adversário não inspira confiança. É o caso Jacobina, penúltimo colocado com quatro pontos e obviamente lutando para não cair. Um resultado positivo no Barradão certamente alivia a pressão sobre o atual bicampeão baiano.

 

Juazeirense x Bahia

Já o Bahia terá um jogo de seis pontos pela frente. Uma derrota na quente cidade de Juazeiro pode colocar o time em apuros no Baianão. Em terceiro com 14 pontos, o Esquadrão de Aço tem logo atrás dois times com 13 pontos, o Flu de Feira (4º) e Bahia de Feira (5º), e ainda um terceiro que pode incomodar, o Jequié (6º), com 10 pontos. Dependendo do que acontecer no Adauto Moraes, Guto Ferreira e sua trupe podem chegar à última rodada precisando torcer contra os adversários.

E como a equipe vem oscilando ao longo da temporada, o confronto diante do vice-líder, que tem o artilheiro do torneio Salatiel com seis gols, torna o jogo ainda mais especial. O drama do Tricolor Baiano aumenta com as ausências dos envolvidos na confusão do Ba-Vi Edson e Rodrigo Becão, suspensos por oito jogos, e Vinícius, com dois jogos de punição, além de Zé Rafael, que cumpre suspensão pelo acúmulo de cartões amarelos. Assim, Guto Ferreira deve ir a campo com Douglas; Nino, Lucas, Grolli, Leo; Gregore, Allione, João Pedro; Élber, Edigar, Kayke.

 

Estamos de olho

Apesar das atenções voltadas aos dois maiores clubes do Estado, é bom ficarmos de olho nas equipes de Feira de Santana, que também brigam diretamente por vagas no G-4. O mais próximo de seguir no páreo é o Bahia de Feira, que tem um o confronto teoricamente tranquilo diante do lanterna Atlântico, no Joia da Princesa. Vindo de duas vitórias consecutivas, o Tremendão tem tudo para somar os três pontos e pressionar o Tricolor da capital e o Touro do Sertão.

Já o Fluminense de Feira tem a seu favor a quarta posição na tabela. Mas isso não significa nada se o clube mantiver o desempenho irregular das últimas rodadas. São duas derrotas em três jogos, fato que compromete o sono do técnico Evandro Guimarães e uma classificação que parecia fácil. O time viaja a Vitória da Conquista para encarar os donos da casa, que já estão eliminados do torneio. Sinal de moleza? É o que vamos ver!

 

Confira os jogos da oitava rodada do Campeonato Baiano 2018

Domingo, 4 de março de 2018

  • 16:00 – Vitória x Jacobina – Palpite: Vitória
  • 16:00 – Vitória da Conquista x Flu de Feira – Palpite: empate
  • 16:00 – Bahia de Feira x Atlântico – Palpite: Bahia de Feira
  • 16:00 – Jequié x Jacuipense – Palpite: Jequié
  • 17:00 – Juazeirense x Bahia – Palpite: empate

 

Comentários

2 Comentários

2 Comentários

  1. Pingback: Com confusão do Ba-Vi ainda longe do fim, Vitória recebe … – Paulo Barros Imóveis

  2. Pingback: André Lima decide, Vitória vence Jacobina e avança às semifinais – Paulo Barros Imóveis

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar