Copa do Nordeste

ABC e Sampaio Corrêa decidem nesta quinta-feira quem enfrenta o Bahia na final da Copa do Nordeste

Sampaio Corrêa
Foto: Elias Auê

Maranhenses largaram na frente no jogo de ida, mas diferença de apenas um gol deixa tudo em aberto para o duelo do Frasqueirão

Enquanto os craques da seleção brasileira buscam o hexacampeonato na Copa do Mundo da Rússia, a bola segue rolando no país do futebol. Nesta quinta-feira (28), às 21:45 (horário de Brasília), ABC e Sampaio Corrêa medirão forças no Frasqueirão para saber quem será o adversário do Bahia na grande final da Copa do Nordeste 2018. Na última terça-feira, a Bolívia Querida largou na frente em São Luís, e precisa apenas de um empate para chegar à uma inédita decisão.

Confira o nosso prognóstico para a peleja.

 

Sampaio Corrêa levou a melhor no jogo de ida

O Sampaio Corrêa soube se valer do fator casa, e deu um importante passo para chegar à decisão com a vitória pela contagem mínima no Castelão.

Os cerca de cinco mil torcedores presentes ao estádio viram um jogo que começou bastante estudado, com ambos os times preocupados em não sofrer gols. Foram os visitantes que tomaram a iniciativa, e levaram perigo pela primeira vez aos 22 minutos, com um chute de longa distância de Arez. Também de longe, a Bolívia Querida respondeu em cobrança de falta de Fernando Sobral, que obrigou o goleirão Rodrigo Carvalho a trabalhar. Já nos acréscimos, o camisa um do ABC voltou a brilhar ao defender um chute à queima-roupa de Diego Silva, completando uma boa jogada de Uilliam. As emoções do primeiro tempo pararam por aí, e os times foram para o intervalo com um 0x0 no placar.

O jogo ganhou em emoção no segundo tempo. Novamente, foi o ABC que criou o primeiro lance de perigo, mas Luan errou o alvo. Aos 12 minutos, o árbirto Anderson Daronco assinalou um pênalti quando o zagueiro Tonhão derrubou Uilliam dentro da área. Ele mesmo cobrou, e abriu o placar para os donos da casa. O atacante estava em uma noite inspirada, e por pouco não ampliou após escanteio cobrado por Danielzinho. O ABC tentou pressionar nos minutos finais, mas não obteve sucesso, e voltou para Natal com uma derrota na bagagem.

 

ABC atravessa sequência negativa

Depois de eliminar o Santa Cruz com uma goleada fora de casa por 4×1 nas quartas de final, o ABC entrou em má fase, e já acumula quatro partidas sem vitória. Com isso, o time potiguar deixou o G-4 no Campeonato Brasileiro da Série C, e chega bastante pressionado para tentar reverter a vantagem do Sampaio Corrêa.

Para escalar o time, o técnico Ranielle Carvalho tem dúvidas nas duas extremidades do campo. Tudo indica que o goleiro Rodrigo Carvalho, que sentiu um problema no ombro no jogo de sábado contra a Juazeirense, não terá condições de atuar. Seu substituto deve ser Gomes, de apenas 18 anos, que nunca disputou uma partida como profissional. No ataque, Matheus Carvalho, que vem agradando, deve ganhar uma oportunidade, só não se sabe se no lugar de Marcos Júnior ou de Luan. Caso jogue o primeiro, Higor Leite será recuado para o meio-de-campo, mas se o técnico optar por Luan, o jogador será deslocado para o lado direito do ataque.

Para o volante Anderson Pedra, as duas formações têm suas vantagens, e ambas podem ser bem sucedidas: “Eu acho as duas opções muito boas e que já deram certo. Nós já jogamos com essas duas opções e as duas funcionaram. Se fica com o Higor Leite por dentro é um pouco mais ofensivo e ganha mais um extremo. Com Marcos Júnior também tem chegada na frente, mas ele marca mais que o Leite.”

Bolívia Querida luta contra o rebaixamento na Série B

Se as coisas não vão bem no ABC, a situação do Sampaio Corrêa tampouco é um mar de rosas. Com as derrotas para Figueirense e Atlético Goianiense nos últimos jogos, o time caiu para a 16ª posição na Série B, a primeira acima da zona de rebaixamento.

O técnico Roberto Fonseca recebeu uma série de boas notícias ao longo da semana, mas ainda não decidiu como escalará o time. Recuperado de contusão, o lateral direito Bruno Moura estará entre os titulares, e a dupla de ataque Uillian Barros e Rodrigo Fumaça deve entrar no lugar de Jheimy e Dalberto, que não estão inscritos na competição. Outra opção é a saída de um dos atacantes para a entrada do volante João Paulo, que ao lado de Diego Silva, poderá aumentar o poder de marcação do meio de campo e ajudar o time a manter a vantagem.

O Sampaio Corrêa precisa de um empate para chegar à decisão. Em caso de derrota por um gol de diferença, a vaga será decidida nos pênaltis.

Retrospecto de ABC x Sampaio Corrêa

ABC e Sampaio Corrêa ficaram 13 anos sem se enfrentar, mas depois que se reencontraram, em 2014, já estiveram frente a frente em cinco oportunidades, com larga vantagem para os maranhenses, que venceram quatro e perderam uma.

Últimos jogos

  • 19/06/2018 – Sampaio Corrêa 1×0 ABC
  • 31/10/2015 – ABC 2×3 Sampaio Corrêa
  • 25/07/2015 – Sampaio Corrêa 3×2 ABC
  • 20/09/2014 – Sampaio Corrêa 2×1 ABC
  • 17/05/2014 – ABC 1×0 Sampaio Corrêa

Prováveis escalações

ABC-RN: Gomes; Arez, Tonhão, Samuel e Igor; Anderson Pedra, Felipe Guedes e Higor Leite; Matheus Carvalho, Luan e Leandrão. Técnico: Ranielle Ribeiro

Sampaio Corrêa-MA: Andrey; Bruno Moura, Maracás, Joécio e Alyson. Willian Oliveira, Fernando Sobral, Danielzinho e João Paulo (Diego Silva); Uillian Barros e Rodrigo Fumaça. Técnico: Roberto Fonseca

Palpite

Ambos os lados passam por momentos atribulados, mas o Sampaio Corrêa jogará com a vantagem, e se o time do ABC se afobar em busca do gol, poderá tirar proveito para tentar vencer o jogo nos contra-ataques. Além disso, o retrospecto recente mostra que os potiguares vêm encontrando enorme dificuldade nas partidas contra a Bolívia Querida.

Acredito na repetição do resultado da partida de ida, 1×0 a favor dos maranhenses.

 

Semifinais da Copa do Nordeste 2018

Terça-Feira, 26 de junho

  • 21:45: (1) Bahia 0x0 Ceará (0) – Classificado: Bahia

Quinta-Feira, 28 de junho

  • 21:45 – (0) ABC x Sampaio Corrêa (1) – Palpite: Sampaio Corrêa

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.