Ganhador.com

Vôlei

Superliga Feminina de Vôlei: até onde vai o Dentil Praia Clube?

Foto: Divulgação/CBV - Site oficial

Líder invicto com dez vitórias, equipe de Uberlândia é a sensação ao deixar para trás rivais tradicionais como as equipes de Osasco e do Rio         

A força de Minas Gerais no vôlei brasileiro está mais que reforçada nesta edição da Superliga Feminina. E com uma surpresa difícil de acreditar até agora: o Dentil Praia Clube lidera soberana a tabela, com nada menos que dez vitórias seguidas. As posições a seguir são das equipes fortes de sempre, caso de Sesc RJ, do técnico Bernardinho, e do Vôlei Nestlé, de Osasco, as duas maiores e mais tradicionais forças da modalidade feminina no Brasil.

E até onde vai o Dentil Praia Clube?

A equipe tem boas chances de título, como comprova a campanha, embora a chegada aos playoffs vá deixar a situação um pouco mais favorável às tais potências que dominam o esporte há tanto tempo. O Dentil Praia Clube tem a seu favor uma dupla de centrais que figuraria facilmente entre as melhores do mundo, com as experientes e extremamente competentes Walewska e Fabiana Claudino. Outras jogadoras de renome são a líbero Suelen e a ponteira Fernanda Garay. É um timaço que chega ao Brasil em boa hora para sacudir a dinastia entre Rio e Osasco.

E são exatamente essas duas grandes equipes, Vôlei Nestlé x Sesc RJ, que fazem o grande jogo da rodada, às 21h45, no Ginásio José Liberatti, com transmissão pelo SporTV. A promessa é do equilíbrio de sempre. O Sesc tem uma campanha melhor, com 9 vitórias e 1 derrota, contra 7-3 do Vôlei Nestlé.

O Praia Clube, por sua vez, fará um jogo que também promete bastante interesse: será contra o Hinode Barueri, comandado pelo multicampeão José Roberto Guimarães. É uma partida que convém seguir com atenção, embora o Barueri precise melhorar na tabela. A equipe começou com derrotas seguidas a Superliga, e agora parece ter encontrado um funcionamento melhor. A tabela está de prova. O time ocupa a quinta colocação, com 6 vitórias e 4 partidas perdidas, e há sim a expectativa de um segundo turno bem mais promissor, com as jogadoras entrosadas e com a possibilidade de terminar a classificação uma posição acima, chegando aos playoffs à frente, por exemplo, do Camponesa/Minas, que hoje detém este quarto lugar.

Sada Cruzeiro segue soberano entre os homens

A seleção vestida de azul está realmente onde costuma ficar nas últimas temporadas: no topo da classificação da Superliga Masculina. Depois de 11 jogos, o Cruzeiro tem simplesmente 10 vitórias e 1 derrota, seguido por Sesc-RJ (8-1) e Taubaté Funvic (8-2).

A equipe tanto está impactando o calendário brasileiro que houve uma mudança de datas para comportar sua participação do Mundial de Clubes. Assim como nos anos anteriores, o Cruzeiro será o representante do país na competição que, nesta temporada, começa no dia 11 e vai até 17 de dezembro. As partidas da fase de grupos vão ser realizadas na Polônia, na cidade de Opole, e a estreia do Cruzeiro será logo contra o campeão italiano, o Civitanova.

A Superliga Masculina está em sua décima rodada, aberta com uma vitória do Montes Claros Vôlei (MG) sobre o Copel Telecom Maringá Vôlei (PR) nesta quarta-feira (6) em Maringá (PR). O placar mostrou 3 sets a 0, com parciais de 25/23, 25/19 e 25/23.

Foi a segunda vitória do Montes Claros na temporada. “Foi um jogo bom para a nossa equipe. Estudamos muito o time de Maringá, os dois estavam sob pressão e sabíamos que a vitória seria muito importante. Tivemos uma virada de bola muito eficiente”, comemorou o técnico Sérgio Cunha.

A rodada segue a partir desta quinta (7), com duas transmissões seguidas no SporTV: Lebes Canoas x JF Vôlei, às 19h30, em Canoas (RS), e Sesc RJ x Vôlei Renata (SP), às 21h45, no Rio.

Jogos da 10ª rodada da Superliga Masculina

Quinta-feira, 7 de dezembro

  • 19:30 – Lebes Canoas x JF Vôlei – Palpite: Canoas
  • 21:45 – Sesc RJ x Vôlei Renata – Palpite: Sesc

Sábado, 9 de dezembro

  • 21:30 – Corinthians/Guarulhos x EMS Funvic Taubaté – Palpite: Taubaté

Quarta-feira, 13 de dezembro

  • 20:00 – Minas Tênis Clube (MG) x Ponta Grossa Caramuru (PR) – Palpite: Minas

Jogos da 11ª rodada da Superliga Feminina

Sexta-feira, 8 de dezembro

  • 19:15 – Dentil/Praia Clube (MG) x Hinode Baueri (SP) – Palpite: Minas
  • 21:45 – Vôlei Nestlé x Sesc-RJ – Palpite: Sesc

Sábado, 9 de dezembro

  • 10:00 – BRB/Brasília Vôlei (DF) x Pinheiros (SP) – Palpite: Pinheiros
  • 15:00 – Fluminense (RJ) x Sesi-SP – Palpite: Fluminense

Sábado, 10 de dezembro

  • 13:00 – Vôlei Bauru (SP) x São Cristóvão Saúde/São Caetano (SP) – Palpite: São Caetano

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar