Eliminatórias da Copa do Mundo 2018

Será que a Argentina vai à Copa do Mundo de 2018?

Foto: Robert Cianflone/Getty Images

Brasil, Irã e Rússia são os únicos garantidos até o momento.

Até o fim do ano serão definidos todos os 32 participantes da fase final do Mundial do ano que vem. Além da Rússia, o país-sede, Brasil e Irã já confirmaram suas presenças dentro de campo. Vamos analisar abaixo como estão as eliminatórias mundo afora e os próximos jogos.

 

A Argentina tem futuro?

Passadas 14 das 18 rodadas em turno e returno da CONMEBOL, apenas o Brasil garantiu presença na Rússia no ano que vem. Com Bolívia e Venezuela eliminados, sete times ainda sonham com as Matrioshkas.

A mais próxima de atingir o objetivo é a Colômbia. Com 24 pontos, pegará os lanternas venezuelanos na próxima jornada. Se vencerem, ficarão muito próximos da vaga.

O Uruguai acumulou 23 pontos mas em setembro terá uma difícil missão de encarar Argentina e Paraguai, dois clássicos de muita rivalidade histórica.

Bicampeão da Copa América, o Chile completa a fila de visto automático para os passaportes, pois também tem 23 pontos e se prepara para as pelejas contra Paraguai e a Bolívia.

E nossos hermanos? A Argentina tem 22 pontos e está na zona de classificação para a Repescagem. Nas próximas datas FIFA, apesar da batalha em Montevidéu contra os Charrúas, ela poderá passear contra os representantes da terra de Maduro em domicílio.

Equador (20), Peru (18) e Paraguai (18) completam a relação de selecionados com possibilidades de dar a volta olímpica em Moscou.

 

Alemanha favorita ao Penta

Campeã mundial de 1954, 1974, 1990 e 2014, a Alemanha é apontada como favorita ao pentacampeonato. No grupo C europeu, ela tem 100% de aproveitamento contra Irlanda do Norte, República Checa, Azerbaijão, Noruega e São Marino. Deve confirmar logo sua vaga na Rússia.

Outro país próximo de se classificar é a Polônia, que tem boa vantagem na chave E sobre Montenegro e Dinamarca, que brigam para ir à segunda fase.

No quadrangular G, Espanha e Itália estão separadas apenas no saldo de gols. Os espanhóis levam vantagem neste quesito e em setembro receberão a Azzurra em seu território. Quem perder esta disputa certamente irá para o mata-mata.

No grupo B, Portugal segue correndo atrás dos suíços, que estão na ponta com 18 pontos em 18 possíveis. Um deles irá à Copa e o outro para a segunda etapa das eliminatórias.

Na chave da morte, a Suécia ultrapassou a França e é a nova líder, após seis das dez rodadas. Suecos e franceses somam 13 pontos, contra dez dos holandeses e nove dos búlgaros.

Sérvia e Irlanda duelam ponto a ponto pelo primeiro lugar do quadrangular D. Ambos parecem ter deixado País de Gales e Áustria para trás.

A Inglaterra está na frente do grupo F e a briga para o segundo lugar, entre Eslováquia, Eslovênia e Escócia, parece mais interessante.

A Bélgica abriu quatro pontos de margem na chave H e dificilmente será alcançada pela Grécia, que luta com a Bósnia & Herzegovina para pelo menos chegar à segunda etapa.

O quadrangular I é um dos mais embolados e imprevisíveis. Croácia e Islândia têm 13 pontos, contra 11 de Turquia e Ucrânia. Tudo ainda pode acontecer, pois ainda há 12 pontos em disputa para cada seleção.

 

Disputa acirrada na Ásia

Quase tudo poderá acontecer nas duas últimas rodadas das eliminatórias asiáticas, programadas para setembro. Com uma campanha magnânima, os iranianos escaparam dessa confusão.

No grupo A, apesar de todos ainda terem chances matemáticas de ao menos irem para a Repescagem, parece que a briga ficará mesmo entre Coréia do Sul e Uzbequistão. Um dos dois confirmará presença entre os 32 e o outro irá para a quarta fase. Dificilmente haverá espaço para Síria, Qatar e China.

Na chave B, já se sabe que Tailândia e Iraque não irão a lugar nenhum. Japão (com 17 pontos), Arábia Saudita (16) e Austrália (16) brigam por duas vagas na Copa e uma na próxima eliminatória. Os Emirados Árabes se apegam a um milagre para avançar.

 

México voltará à Rússia

Depois de ter conhecido a Rússia ao longo da Copa das Confederações, os mexicanos se preparam para retornar ao país da Revolução Bolchevique de 1917. Líder invicto do hexagonal final da CONCACAF, só um desastre tira a Tri da Copa de 2018. Em setembro, contra o Panamá, no Azteca, e Costa Rica, em San José, os dos Sombreros deverão confirmar a vaga.

Costa Rica é outro país praticamente dentro do Mundial. Apesar de ter uma vantagem de quatro pontos para o primeiro rival fora do G-3, os costarriquenhos têm uma tabela ingrata em setembro: Estados Unidos, em Harrison, e México em casa.

Muito provavelmente os americanos completarão a lista de países classificados automaticamente, o que deixará Panamá e Honduras na disputa pela Repescagem. Trinidad & Tobago só tem três pontos e está praticamente fora.

 

Nigéria disparou na África

Dizem regularmente que a África é o futebol do futuro e que em breve veremos um campeão mundial africano. Até agora nada disso ocorreu mas sempre ficamos na expectativa.

Quem está bem próximo de representar o continente na Rússia é a Nigéria, que abriu quatro pontos de frente sobre Camarões no grupo B. Burkina Faso, Costa do Marfim, Egito e R. D. Congo também lideram suas chaves. O vencedor de cada quadrangular poderá reservar suas passagens e hotéis.

    

Nova Zelândia e Ilhas Salomão decidem vaga na Repescagem

Depois de muitas partidas contra equipes inexpressivas, Nova Zelândia e Ilhas Salomão chegaram à final da Confederação da Oceania. As duas nações se enfrentarão em ida e volta e quem vencer o duelo estará classificado para a Repescagem contra o quinto colocado da América do Sul.

    

Próximos jogos das eliminatórias da Copa do Mundo

Terça-feira, 29 de agosto:

  • TBC: Emirados Árabes x Arábia Saudita

Quinta-feira, 31 de agosto:

  • 08h30: Síria x Qatar
  • 08h30: China x Uzbequistão
  • 08h30: Coréia do Sul x Irã
  • 10h00: Uganda x Egito
  • 10h35: Japão x Austrália
  • 12h00: Tailândia x Iraque
  • 14h00: Guiné x Líbia
  • 14h45: Chipre – Bósnia & Herzegovina
  • 14h45: Grécia x Estônia
  • 15h00: Nigéria x Camarões
  • 15h45: França x Holanda
  • 15h45: Luxemburgo x Belarus
  • 15h45: Hungria x Letônia
  • 15h45: Suíça x Andorra
  • 15h45: Bélgica x Gibraltar
  • 16h45: Bulgária x Suécia
  • 16h45: Portugal x Ilhas Faroe
  • 19h30: Chile x Paraguai
  • 20h00: Uruguai x Argentina
  • 21h45: Brasil x Equador
  • 23h15: Peru x Bolívia
  • TBC: Venezuela x Colômbia

Sexta-feira, 01 de setembro:

  • 07h35: Nova Zelândia x Ilhas Salomão
  • 13h00: Cazaquistão x Montenegro
  • 14h30: Gana x Congo
  • 14h45: Romênia x Armênia
  • 14h45: Lituânia x Escócia
  • 15h30: Cabo Verde x África do Sul
  • 15h45: República Checa x Alemanha
  • 15h45: Noruega x Azerbaijão
  • 15h45: São Marinho x Irlanda do Norte
  • 15h45: Malta x Inglaterra
  • 15h45: Eslováquia x Eslovênia
  • 16h45: Dinamarca x Polônia
  • 17h00: Tunísia x R. D. Congo
  • 17h00: Marrocos x Mali
  • 17h00: Senegal x Burkina Faso
  • 21h00: Trinidad & Tobago x Honduras
  • TBC: Estados Unidos x Costa Rica
  • TBC: México x Panamá

Sábado, 02 de setembro:

  • 10h00: Zâmbia x Argélia
  • 13h00: Gabão x Costa do Marfim
  • 13h00: Geórgia x Irlanda
  • 13h00: Sérvia x Moldávia
  • 13h00: Albânia x Liechtenstein
  • 13h00: Finlândia x Islândia
  • 15h45: País de Gales x Áustria
  • 15h45: Israel x Macedônia
  • 15h45: Croácia x Kosovo
  • 15h45: Ucrânia x Turquia
  • 16h45: Espanha x Itália

Domingo, 03 de setembro:

  • 13h00: Estônia x Chipre
  • 14h45: Letônia x Suíça
  • 15h00: Ilhas Faroe x Andorra
  • 15h45: Hungria x Portugal
  • 15h45: Grécia x Bélgica
  • 15h45: Gibraltar x Bósnia & Herzegovina
  • 16h00: Belarus x Suécia
  • 16h00: Holanda x Bulgária
  • 16h45: França x Luxemburgo

Segunda-feira, 04 de setembro:

  • 11:00: Camarões x Nigéria
  • 13h00: Azerbaijão x São Marinho
  • 13h00: Armênia x Dinamarca
  • 15h45: Alemanha x Noruega
  • 15h45: Montenegro x Romênia
  • 15h45: Polônia x Cazaquistão
  • 15h45: Eslovênia x Lituânia
  • 16h00: Líbia x Guiné
  • 16h45: Irlanda do Norte x República Checa
  • 16h45: Inglaterra x Eslováquia
  • 16h45: Escócia x Malta

Terça-feira, 05 de setembro:

  • 02:00: Ilhas Salomão x Nova Zelândia
  • 11h30: Congo x Gana
  • 14h00: África do Sul x Cabo Verde
  • 14h30: R. D. Congo x Tunísia
  • 14h30: Costa do Marfim x Gabão
  • 14h45: Moldávia x País de Gales
  • 14h45: Turquia x Croácia
  • 15h00: Burkina Faso x Senegal
  • 15h00: Egito x Uganda
  • 15h45: Áustria x Geórgia
  • 15h45: Itália x Israel
  • 15h45: Liechtenstein x Espanha
  • 15h45: Macedônia x Albânia
  • 15h45: Islândia x Ucrânia
  • 15h45: Kosovo x Finlândia
  • 16h00: Mali x Marrocos
  • 16h00: Equador x Peru
  • 16h45: Irlanda x Sérvia
  • 17h00: Bolívia x Chile
  • 17h30: Colômbia x Brasil
  • 17h30: Argélia x Zâmbia
  • 21h00: Paraguai x Uruguai
  • 23h00: Costa Rica x México
  • TBC: Honduras x Estados Unidos
  • TBC: Panamá x Trinidad & Tobago
  • TBC: Argentina x Venezuela
  • TBC: Iraque x Emirados Árabes
  • TBC: Austrália x Tailândia
  • TBC: Arábia Saudita x Japão

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar