Ganhador.com

Brasileirão Série A

Pensando em 2018, Corinthians recebe o Atlético-MG e o troféu de Campeão Brasileiro em Itaquera

Campeão Brasileiro com 3 rodadas de antecedência, o Corinthians enfrenta o Atlético-MG pela 37ª rodada do Brasileirão antes de dar a volta olímpica diante de sua torcida no Itaquerão.

Foto: Agência Corinthians

Campeão Brasileiro com 3 rodadas de antecedência, o Corinthians enfrenta o Atlético-MG pela 37ª rodada do Brasileirão antes de dar a volta olímpica diante de sua torcida no Itaquerão.

Dono do melhor primeiro turno na história do Campeonato Brasileiro por pontos corridos e campeão desde o último dia 15, quando venceu o Fluminense por 3 a 1, o Corinthians, de modo desinteressado, mandou um time repleto de reservas para o duelo contra o Flamengo na 36ª rodada e pagou o preço: foi goleado por 3 a 0. Para o jogo de amanhã, entretanto, o alvinegro não vai querer comemorar seu triunfo junto com sua torcida com uma derrota em casa. Mesmo que opte por fazer algumas experiências, Fábio Carille deve contar com força máxima para agradar a Fiel e começar o planejamento de 2018. Contra um Atlético-MG embalado, um Robinho que gosta de jogar contra o Timão e um Oswaldo de Oliveira “mordido” com a demissão no ano passado, o duelo deste domingo tem todos os ingredientes para ser um jogão.

 

2018 é agora

Sem mais nada a disputar no Brasileirão, o técnico Fábio Carille deve aproveitar os últimos dois jogos para fazer algumas experiências e observações sobre seu elenco e sobre as necessidades do time para 2018. O duelo contra o Flamengo na rodada anterior, além de servir para dar um descanso para os atletas mais desgastados, foi uma oportunidade de observar o desempenho de jogadores pouco utilizados durante a temporada – como Felipe Bastos, por exemplo, que, muito mal em campo, perdeu espaço e talvez não siga no Timão em 2018.

Para o jogo de amanhã, Carille poderá começar a pôr em prática uma proposta de jogo que ele imagina melhor para aproveitar o talento de Jadson na próxima temporada. Com 34 anos, o meia apresentou dificuldades na reta final do Brasileirão em cumprir bem a função de meia aberto pela direita ajudando na recomposição da defesa junto com o lateral. A ideia é utilizar o atleta centralizado, cuidando da armação e da primeira linha defensiva – aquela que pressiona os zagueiros adversários e impede o contra-golpe rápido –, voltando o time para o esquema 4-1-4-1 (campeão em 2015).

Com pouco tempo para treinos entre a reapresentação no início do ano e a Flórida Cup – primeiro compromisso da equipe em 2018 – começar a moldar uma base e um novo padrão de jogo já no final do Brasileiro é uma boa ideia do jovem professor. A dúvida que fica é se este tipo de teste atrapalhará ou não a festa prevista para o final do jogo.

 

Sonhando com a Libertadores

Depois de passar pelas mãos de três técnicos diferentes durante a temporada – Roger Machado, Rogério Micale e Oswaldo de Oliveira –, o Atlético-MG parece ter encontrado alguma estabilidade nas mãos do último que, curiosamente, era o técnico do Corinthians no final da temporada passada. Gradualmente o Galo veio se aproximando do G-7 e agora, a duas rodadas para o fim do Brasileirão, está 2 pontos atrás do Botafogo, o 7º colocado e último clube a garantir vaga na Libertadores do ano de que vem. Até o momento.

Se o Grêmio conquistar o título da Libertadores na próxima quarta-feira, o atual G-7 passará a ser um G-8 (exatamente a posição que o alvinegro mineiro ocupa neste momento). Se o Flamengo levantar o caneco da Sul-Americana, o eventual G-8 se tornará um G-9. Claro que isso tudo é especulação e nada vai adiantar se o Atlético-MG não fizer a sua parte.

O campeão mineiro precisa vencer o Corinthians amanhã e o Grêmio no próximo dia 3 – além de torcer por um tropeço do Botafogo para se garantir no G-7. Contra o Timão, poderá contar com a “sede de sangue” de Oswaldo de Oliveira que teve uma passagem-relâmpago pelo clube no final do Brasileiro do ano passado. Além, é claro, de ter a seu favor o “fator Robinho” – historicamente, o jogador costuma se dar bem contra a equipe do Parque São Jorge.

 

Nosso palpite

O Atlético chega para o jogo precisando da vitória para poder manter vivo o sonho da Libertadores. Esta motivação tem bastado para o galo nas últimas rodadas. O problema é que do outro lado enfrentará um Corinthians que receberá o troféu de Campeão Brasileiro ao final do duelo e não tem pretensões de dar uma volta olímpica comemorando o título depois de uma derrota.

Melhor mandante do Brasileirão com 40 pontos conquistados – 12 vitórias, 4 empates e 2 derrotas –, o Corinthians tem tudo para fechar sua temporada em casa com uma vitória sobre o Galo – que precisará torcer contra o Botafogo e a favor do Grêmio para chegar à Libertadores 2018.

 

Jogos e Palpites da 37ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A 2017

Sábado, 25 de novembro

  • 17:00 – Fluminense x Sport – Palpite: Fluminense

Domingo, 26 de novembro

  • 17:00 – Avaí x Atlético-PR – Palpite: Avaí
  • 17:00 – Corinthians x Atlético-MG – Palpite: Corinthians
  • 17:00 – Coritiba x São Paulo – Palpite: Empate
  • 17:00 – Cruzeiro x Vasco – Palpite: Cruzeiro
  • 17:00 – Grêmio x Atlético-GO – Palpite: Atlético-GO
  • 17:00 – Ponte Preta x Vitória – Palpite: Ponte Preta
  • 19:00 – Bahia x Chapecoense – Palpite: Bahia
  • 19:00 – Flamengo x Santos – Palpite: Santos

Segunda-feira, 27 de novembro

  • 20:00 – Palmeiras x Botafogo – Palpite: Empate

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar