Copa do Mundo Rússia 2018

¡Pela Bomboneraza! Peru ameaça deixar a Argentina de fora da Copa do Mundo da Rússia

Foto: AP Photo/Dolores Ochoa

Argentina e Peru se digladiam hoje às 20h30 (de Brasília), em Buenos Aires

A penúltima rodada das Eliminatórias da CONMEBOL para a Copa do Mundo de 2018 está pra lá de quente. Com Uruguai e Colômbia podendo garantir presença na Rússia, enquanto Chile, Equador e Paraguai tentam se manter vivos na contenda. E Argentina e Peru? Ah, estes dois fazem o melhor duelo do card principal da noite. Empatados com 24 pontos, quem vencer complica o outro. Confira abaixo os prognósticos da partida que roubou a atenção dos brasileiros, que secam nossos vizinhos. Quase ia me esquecendo que o único brazuca traíra é o meu colega Flávio Soares que torce escancaradamente por “eles”, prevendo um 2 a 0, comendo asado de tira, empanadas e tomando uma Quilmes gelada.

 

A rivalidade com Flávio Soares

As duas últimas discordâncias com meu colega de redação acabaram em derrota minha. Quem poderia prever que o Mengão, que havia criado as melhores chances nos 90 minutos, deixaria de fazer um gol e perderia a Copa do Brasil nos pênaltis para o Cruzeiro? Na terça-feira fiquei sem desculpas, pois o Paraná incendiou a Arena da Baixada e bateu o Internacional por 1 a 0, diante de 40 mil malucos nas arquibancadas.

Assim como no futebol, conto com o 12º jogador (você, meu caro leitor!) para sacudirmos a poeira e darmos a volta por cima. Afinal, hoje, tem que dar Peru contra a Argentina. Já imaginou a delícia que seria não ter a Argentina na Copa? O Messi indo para um bar com Mascherano para secar o Brasil contra Camarões? Vamos sonhar, afinal, o esporte é feito disso.

 

Histórico

Já aconteceram 53 enfrentamentos entre os tradicionais Argentina e Peru. Os alvianis ganharam 33 deles, os alvirrubros sete e aconteceram 13 empates. No turno destas Eliminatórias foram dois gols para lá e dois para cá.

 

Messi é atleta do Barça

Messi tem muito que agradecer ao Barcelona. É lá que ele se destaca, ganha títulos para seu empregador, coleciona prêmios individuais, dá um show de bola, dribla três, quatro, cinco, …. na Argentina, é bem diferente. Sai Patón “Bauza”, entra Jorge Sampaoli e ele não deslancha. São Copas Américas perdidas, derrota em final de Copa do Mundo…. não é nem sombra daquele que já foi o melhor do planeta.

Pior é que o time segue o ídolo. Dí Maria, Mascherano, Dybala, etc. todos são melhores em suas agremiações. Será que o Flávio Soares não enxergou isso ainda?

Qual o mistério da Argentina? Não sei. Fato é que a albiceleste, que se encontra atrás de Uruguai, Colômbia e Peru na tábua de classificação, trocou o Monumental de Núnez pelo La Bombonera para aumentar a pressão psicológica e escalou Darío Benedetto como centroavante, para delírio da nação xeneize. Afinal, o atacante defende o Boca Jrs. Será que estas duas mexidas surtem efeito? Parece muito pouco ao meu ver.

 

O Fantasma de 1969 está de volta

A torcida peruana está presente em Buenos Aires e ontem se concentrou na Praça Miserere para agitar muitas bandeiras brancas e vermelhas e mostrar confiança em seus futebolistas. Até um fantasma de 1969 esteve presente para lembrar o 31 de agosto daquele ano quando um 2 a 2 na capital portenha classificou os Incas e eliminou os anfitriões do Mundial de 1970.

Passados quase cinquenta anos, a imprensa alvirrubra destaca a importância de Paolo Guerrero: “É Guerrero e mais dez”, dizem. Atuar no Brasileirão faz bem ao atacante porque o futebol tupiniquim é muito mais competitivo que o do Torneio Descentralizado.

Os Incas têm quatro baixas por cartões amarelos e vermelhos. André Carrillo, Christian Cueva e Christian Ramos são substituídos respectivamente por Sérgio Peña, Jefferson Farfán e Miguel Araujo. Paolo Hurtado é reserva e não faz falta.

 

As possíveis escalações

Argentina: Sergio Romero: Gabriel Mercado, Nicolás Otamendi, Javier Mascherano e Marcos Acuña; Enzo Pérez e Fernando Gago; Emiliano Rigoni, Messi e Di María; Darío Benedetto. Técnico: Jorge Sampaoli.

Peru: Carlos Cáceda; Aldo Corzo, Miguel Araujo, Alberto Rodríguez e Miguel Trauco; Renato Tapia e Yoshimar Yotún; Sérgio Peña, Jefferson Farfán e Edison Flores; Paolo Guerrero. Técnico: Ricardo Gareca.

 

Serviço

Os ingressos estão esgotados e todos os 49 mil lugares do La Bombonera deverão estar ocupados. Os preços variaram entre ARS 350 e ARS 4.800 (entre R$ 63,00 e R$ 866,20).

Os portões serão abertos 3h30 antes da bola rolar para evitar tumultos e incidentes.

 

Palpite

O Peru pode se inspirar em 1969 ou em 05 de setembro de 1993, quando a Colômbia humilhou os argentinos em Buenos Aires por 5 a 0 e despachou o país do presidente Macri para a Repescagem. Acredito em 2 a 0 para os visitantes com direito a muito Inca Pisco no vestiário para bebemorar! A torcida brasileira está junto comigo nessa!

 

17ª rodada das Eliminatórias da CONMEBOL da Copa do Mundo de 2018

Quinta-feira, 05 de outubro:

  • 17h00: Bolívia x Brasil – palpite: Brasil.
  • 18h00: Venezuela x Uruguai – palpite: Uruguai.
  • 20h30: Argentina x Peru – palpite: Peru.
  • 20h30: Chile x Equador – palpite: Chile.
  • 20h30: Colômbia x Paraguai – palpite: Colômbia.

 

Classificação:

  • 1º Brasil, 37 – Fase Final Rússia 2018.
  • 2º Uruguai, 27 – Fase Final Rússia 2018.
  • 3º Colômbia, 26 – Fase Final Rússia 2018.
  • 4º Peru, 24 – Fase Final Rússia 2018.
  • 5º Argentina, 24 – Repescagem.
  • 6º Chile, 23
  • 7º Paraguai, 21
  • 8º Equador, 20
  • 9º Bolívia, 13
  • 10º Venezuela, 8

 

Comentários

4 Comentários
Voltar