Ganhador.com

Brasileirão Série A

Avai x Cruzeiro: objetivos opostos em campo

Foto: Frederico Tadeu / Avaí F.C.

Bola rola a partir de 16h00 de domingo, na Ressacada.

Sétimo colocado no Brasileirão, o Cruzeiro precisa dos três pontos para galgar posições e entrar na briga para terminar a Série A entre os seis que classificam à Taça Libertadores da América. Do outro lado, o Avaí precisa triunfar para tentar sair do Z-4 já nesta rodada. Quem será que vence? Confira abaixo palpites, estatísticas e prognósticos.

 

Palpite

Acredito que o Leão dará o bote e jantará a Raposa no domingo. Depois de segurar os alvinegros paulistanos, o clima mudou da água para o vinho em Santa Catarina. O elenco está mais confiante e motivado e deverá contar com uma boa presença de público para acuar os mineiros.

O Cruzeiro, por sua vez, é uma agremiação que está mais preocupada com a Taça Libertadores da América e com a Copa do Brasil do que com o Brasileirão. A equipe teve todas as chances do mundo para superar o Fluminense e não conseguiu. Parece que estão se poupando mesmo para a competição continental. Se não conseguem vencer um adversário dentro de casa, jogando o tempo todo no campo do rival, o que dirá de atuar longe de seus domínios? Acho que falta motivação aos jogadores neste campeonato.

Por isso, prevejo que os três pontos ficarão na Ressacada: Avaí 2 a 0.

 

Histórico

Avaí e Cruzeiro só se chocaram oito vezes na história. Os mineiros ganharam três e aconteceram cinco empates. Ou seja, os catarinenses nunca caçaram a Raposa.

 

Avaí segurou o líder Corinthians

Apesar de estar na zona maldita que leva à segunda divisão, o Avaí comemorou muito o ponto conquistado na quarta-feira. É que os avaianos empataram com o Corinthians, que é até o momento o clube mais forte do país.

Após o apito final, os atletas alvinis declararam que era preciso repetir esta atuação nos próximos compromissos. Só assim mesmo para sair do Z-4. Para Alemão é o “estilo Série B”. O técnico Claudinei Oliveira disse que seus comandados jogaram de igual para igual com as estrelas corintianas.

Apesar do sucesso momentâneo a situação em Floripa não é das melhores. O Leão completou 45 dias sem sentir o gostinho de uma vitória e precisa melhorar muito seu rendimento para não desfilar na segundona em 2018.

Os cartolas anunciaram a contratação de Maurinho. O atacante estava no Seoul FC, da K-League, sul-coreana.

O melhor dos mundos para o torcedor alvianil seria escapar da degola, assistir ao rebaixamento da Chapecoense para a Série B, do Figueirense para a Série C e contar com que o Criciúma não retorne à elite.

    

Cruzeiro poderia ter vencido o Fluminense

O foco no Avaí só começou a partir de hoje. Até ontem à noite, o Cruzeiro estava voltado para o embate com o Fluminense, que terminou 1 a 1. Ficou a sensação de que a Raposa poderia ter deixado o Giulite Coutinho com mais dois pontos, pois o time envolveu seu adversário durante quase todos os 90 minutos.

Foi assim: o Cruzeiro ia bem até quase a área carioca. A partir dali, a defesa se fechava e ficava difícil penetrar na área. Thiago Neves (duas vezes) e Léo chutaram com perigo. Em passe de Thiago Neves, Sassá recebeu na área para balançar as redes. OS cariocas praticamente não passavam do meio campo e quando o faziam, lançavam a bola pelo alto na área mineira. Numa jogada rápida porém, Richarlison recebeu livre e foi derrubado por Romero dentro da área. Pênalti convertido pelo próprio Richarlison.

No segundo tempo, a estória se repetiu. Só dava o Azul Celeste. Thiago Neves acertou a trave e Sassá quase fez de cabeça. Ficou nisso: 1 a 1.

Para o encontro com o Avai, Rafael Sobis, Arrascaeta e Manoel ficarão à disposição de Mano Menezes.

Aberto para negócios, o Cruzeiro apresentou o zagueiro Digão e acertou a venda de Ábila ao Boca Jrs. Por esta venda, os mineiros ganharam o empréstimo do meia Alexis Messidoro até o final do ano.

 

As prováveis escalações para o espetáculo de domingo

Confira como Claudinei Oliveira e Mano Menezes deverão formar seus quadros.

Avaí: Douglas Friedrich; Leandro Silva, Fagner Alemão, Betão e Capa; Judson, Wellington Simião, Juan e Pedro Castro; Júnior Dutra e Joel. Técnico: Claudinei Oliveira.

Cruzeiro: Fábio, Lucas Romero, Léo, Murilo e Diego Barbosa; Henrique, Ariel Cabral, Thiago Neves, Élber e Alisson; Sassá. Técnico: Mano Menezes.

    

Serviço

Os ingressos para este espetáculo estão à venda desde terça-feira. Seus preços variam entre R$ 60,00 e R$ 80,00 e são comercializados nos pontos de venda habituais.

    

Jogos da 16ª Rodada:

Sábado, 22 de julho:

  • 16h00: Vitória x Chapecoense
  • 19h00: Flamengo x Coritiba

Domingo, 23 de julho:

  • 11h00: Santos x Bahia
  • 16h00: Fluminense x Corinthians
  • 16h00: Sport x Palmeiras
  • 16h00: Avaí x Cruzeiro
  • 19h00: Atlético-MG x Vasco da Gama
  • 19h00: Atlético-PR x Ponte Preta
  • 19h00: Atlético-GO x Botafogo

Segunda-feira, 24 de julho:

  • 20h00: São Paulo x Grêmio

    

Classificação:

  1. Corinthians – 37 – Taça Libertadores da América (fase de grupos).
  2. Grêmio – 31 – Taça Libertadores da América (fase de grupos).
  3. Santos – 27 – Taça Libertadores da América (fase de grupos).
  4. Flamengo – 25 – Taça Libertadores da América (fase de grupos).
  5. Palmeiras – 23 – Taça Libertadores da América (fase preliminar).
  6. Botafogo – 22 – Taça Libertadores da América (fase preliminar).
  7. Cruzeiro – 21 – Copa Sul-Americana.
  8. Sport – 21 – Copa Sul-Americana.
  9. Vasco da Gama – 20 – Copa Sul-Americana.
  10. Fluminense – 20 – Copa Sul-Americana.
  11. Atlético-MG – 20 – Copa Sul-Americana.
  12. Bahia – 19 – Copa Sul-Americana.
  13. Coritiba – 19
  14. Ponte Preta – 18
  15. Chapecoense – 18
  16. Atlético-PR – 16
  17. São Paulo – 15 – Série B.
  18. Avaí – 14 – Série B.
  19. Vitória – 12 – Série B.
  20. Atlético-GO – 8 – Série B.

    

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar